Lula Já Foi Preso? – O Estado de Direito em Frangalhos no Brasil.

A prisão não são as grades e a liberdade não é a rua.

Existem homens presos na rua e livres na prisão.

É uma questão de consciência. Gandhi

Com carinho para o Juiz Moro,

preso a compromissos com poderosos grupos econômicos.

 

“Quem cala consente”, como uma poderosa lâmina a ameaçar nossas consciências, nos informa o ditado popular, mas, que mundo é este que nos faz calar diante de situações absurdas e inaceitáveis? Como podemos afrontar, a todo instante, situações de descalabro humanitários e buscar ter “uma vida normal” entre nossos semelhantes?

Não amigo, me desculpe, mas se você quer ter uma “vida normal”, neste mundo em que vivemos, alguma coisa está errada em você. Por mais que você acredite que seja possível, não o é, pois, seja em que direção você olhe irá se deparar com situações de injustiças. Seja em que país você viva, em que regime esteja submetido, no Comunista da China ou o da Coréia do Norte, ou o Capitalismo dos E.U.A. ou o do Brasil, se você convive bem com as situações em que se depara, algo está doente em sua alma. Desculpe-me ser eu a lhe informá-lo.

Há sete meses incompletos, escrevi meu último “post” em que nele relatava que na cidade de Itarantim, na Bahia, onde morei de 03/2014 a 11/2015, estava a procurar “um empresário honesto e não encontrava” e isto foi o bastante para que algumas “pessoas importantes do lugar”, que se identificavam com a descrição contida no texto e não daqueles que eu buscava, fosse “comentar”, em meu trabalho, de sua insatisfação com o que lera e, na sequência, ouvir a sugestão de minha colega de trabalho que não escrevesse mais, pois isto poderia “me trazer problemas, e que tomasse cuidado pois tinha família e filho”.

Não, quem não sabe o que é o PODER não pode saber o que se passa em nosso país e em nosso mundo. Quem nunca enfrentou as forças de pressão que emanam deste poder, não sabe do que falo.

Acolhido, desde novembro passado, na aprazível cidade de Lages, que tem um povo alegre e vibrante, que muito se parece com as pessoas na Bahia e me fazem sentir em casa, em pleno interior de Santa Catarina, a cerca de 2.000 Km de  Itarantim, retomo minha atividade de blogueiro, com a consciência de que, muito em breve, poderei ter o mesmo incômodo que tive na cidade de Itarantim, porque, afinal de contas, quem quer ter uma vida tranquila, quem quer viver em paz, faz como nos relata a cantora Elis Regina: “Fique em silêncio… Não conteste… não fale nada sobre as injustiças, não se exponha, não reaja e talvez você viva em paz, afinal, não está incomodando ninguém. Talvez apenas não consiga dormir por causa dos gritos que vêm de dentro da sua alma clamando por JUSTIÇA”.

Agora imagine, se um simples texto que não falava de ninguém em particular e relatava uma situação corriqueira no país, mais até do que a própria CORRUPÇÃO, a SONEGAÇÃO DE IMPOSTOS, me trouxe problemas, como podemos acreditar que existe alguma “imprensa livre” em nosso país? Se, mesmo trabalhando em uma empresa “pública” e sendo concursado, poderia ter incômodos em meu trabalho e passar por ameaças e pressões, por que não os demais blogs que hoje enfrentam ameaças de processos que os inviabiliza financeiramente devido à força do poder econômico?

A única e verdadeira “IMPRENSA LIVRE”, aqui e alhures, é a imprensa que se perfila ao lado das elites, do status quo, que sustenta as iniquidades e injustiças, que alimenta o poder dos insensatos e sufoca a alma dos justos.

Não era à toa que esta imprensa vil e abjeta, sustentava e sustenta gente como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, cujo governo protagonizou escândalos como o COMPRA DA REELEIÇÃO, SIVAM, PROER, PRIVATIZAÇÕES, BANCO MARKA E FONTE CINDAM e inúmeros outros, todos aboletados e sem investigação adequada por uma imprensa irresponsável e que só defende os interesses de seus proprietários, Globo à frente.

A lição que temos que aprender agora é que se não pusermos fim a este formato em que se encontra o sistema de comunicações do Brasil, jamais teremos democracia alguma, pois alguns terão o poder de achacar, enxovalhar reputações, com alegações mais estapafúrdias e absolutamente sem provas, ou mesmo indícios, e, mais sério que tudo, de pressionar juízes para que julguem de acordo com suas conveniências e interesses.

Não podemos aceitar que em nosso país o PODER JUDICIÁRIO seja um ANEXO DA MÍDIA, obedecendo e atuando de acordo com a pauta do dia, determinada pelos proprietários dos veículos existentes.

Não precisamos derramar sangue como nas revoluções tradicionais, basta que não nos calemos e nos coloquemos, de forma clara, ao lado das aspirações de nosso povo, da Justiça, da verdade, que são forças que ninguém consegue deter.

Não podemos aceitar um mundo onde os 1% de sua população valham mais que todos os demais. Não podemos aceitar um mundo onde somente estas pessoas detenham o poder de informar, alterando a verdade e pintando o Demônio como se Deus fosse.

Lula cometeu um erro lamentável, se calou quando companheiros seus eram presos em tribunais “de exceção”, sem provas, em pleno ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO. José Dirceu, José Genoíno e todos os demais, assim foram presos e nos calamos. Sejam eles culpados ou não, como podemos tolerar que, quem quer que seja, possa ser encarcerado desta forma? Basta a imprensa gritar “CORRUPTO” e enviamos ao calabouço? Queimamos na fogueira?

A respeito deste assunto escrevi num texto de outro blog: ACM NETO, em um debate com José Pellegrino, para a prefeitura de Salvador, aproveitando o bombardeio midiático acerca do assunto do Mensalão, pergunta para o Pelegrino se ele continuaria defendendo seus companheiros de partido após estes terem sido condenados pelo STF por formação de quadrilha e corrupção ativa.

Ao ser confrontado pelo seu oponente sobre o escândalo do Mensalão do DEMO, com o governador Arruda, comprovadamente pego em filmagens escabrosas, informou que seu partido o expulsou no primeiro momento.

Não é bem verdade. O fato é que integrantes de uma família sabem muito bem o que tem em seu sangue, em seu DNA, e não poderiam deixar seu partido ser exposto diariamente com provas tão absolutamente claras e contundentes. Mas não foi no primeiro momento como ele informou, pois este foi gasto tentando acalmar os ânimos do colega para que ele não jogasse a m… no ventilador, e, após combinarem pelo silêncio deste, e a sua resignação, vai saber de que forma obtida, então, e só então, o expulsou.

Mas, diante da falta de resposta do Pelegrino a se ele continuaria a defender os companheiros agora condenados, me permito a responder:

– Não se abandona um amigo ferido à beira da estrada.

Lugar de corrupto é na cadeia, porque eles são os responsáveis por haver tanta miséria e injustiça no mundo.

No entanto, saltam aos olhos que a condição para existir um corrupto é que sua vida pessoal, financeira e patrimonial esteja muito além daquilo que suas posses oficiais lhe permitiriam manter.

Este fato não existe no caso em questão, pois o José Genoino, Delúbio Soares e José Dirceu não vivem além de suas posses, nem aumentaram o patrimônio como seria de se esperar de pessoas qualificadas como de alta periculosidade, como quer fazer parecer o STF.

Aos meus companheiros dedico a presunção de inocência que você não poderia, jamais, dedicar aos seus, por conhecê-los e saber como agem, que, por fim, é a mesma forma que seu avô e sua família usaram para amealhar o patrimônio e poder que detém hoje.

Por fim acredito que, em seu devido tempo, que certamente não será tão rápido quanto o STF fez correr este julgamento para poder ajudar a vocês do DEMO e do PSDB nestas eleições, a responsabilidade de cada um será aferida, e, certamente, o nosso povo vai entender um pouco mais da história de nosso país e perceber que, os que estiveram ao lado dos que prenderam e torturaram a mulher que hoje é a presidente de todos os brasileiros e brasileiras e que por eles é querida (nota: a aprovação de Dilma estava próxima dos 70%), continuam a ser exatamente aqueles que sempre viraram as costas para todas as suas aspirações de cidadãos.

Alguns avaliam que se o LULA se voltasse contra o império Globo e demais veículos de desinformação brasileiros, no início de seu primeiro governo, não duraria seis meses, é verdade, temos que concordar, embora não saibamos como se dariam as coisas de verdade. No entanto, cada um de nós, a partir deste instante, não pode dizer que não sabe do futuro por não ter uma “bola de cristal”.

A prova incontestável do absurdo poder desta imprensa irresponsável e mafiosa que “manda” no Brasil, mesmo que seu povo não mais a siga e não eleja os ungidos e promovidos por esta, é a diferença brutal do tratamento dado a Eduardo Cunha, por exemplo, e Delcídio Amaral.

Um foi preso flagrado por declarações imbecis ao telefone e outro, mesmo com fartas provas contra ele, está a comandar a “casa do povo” nitidamente usando o cargo para dificultar processos contra si mesmo e comandando o “impedimento” de uma presidenta eleita democraticamente pela maioria do povo brasileiro e contra qual não existe denúncia de crime de responsabilidade algum, que poderia retirá-la do cargo para o qual foi eleita.

Desnecessário dizer aqui que esta imprensa bandida e vergonhosa que temos, não só omitiu de todo o povo brasileiro quem é o bandido que comanda a casa legislativa da Câmara Federal, como o promoveu, exatamente para que pudesse criar toda a sorte de dificuldades, que está criando desde quando foi eleito para comandar a Câmara dos deputados no segundo período de governo de Dilma Vana Roussef, no intuito de derrubar a esquerda do comando de nosso país e colocar no poder aquelas pessoas servis ao capital internacional e destruir, de uma vez por todas, as nossas possibilidades de sermos um país viável. A Petrobrás destruída, ótimo, pensam os sabujos da grana suja.

Quem não se lembra de Severino Cavalcanti? É a mesma história que nos é repetida como farsa, é um “deja vú”, um filme desbotado e estragado que assistimos estarrecidos, sem acreditar no que vemos, agora em versão piorada.

Como sair desta rinha de galo em que “nos meteram”, onde, para delírio dos que movem as cordas dos FANTOCHES, seres pensantes e racionais se arremetem contra aqueles que ousam defender Dilma e seu governo, Lula e/ou o PT? Desmond Tutu, prêmio Nobel da paz, dizia, “Se você é neutro em situações de injustiça, você escolhe o lado do opressor”, iremos ficar neutros? Iremos nos calar?

Eles zombam do povo e riem da carnificina que está prestes a ocorrer. Como abutres, esperam o resultado da refrega para se aproveitarem dos despojos e entregarem, de bandeja, as nossas riquezas para empresas estrangeiras. Não passam de serviçais do poder, submissos a ele, no entanto, podem nos colocar de joelhos se nada fizermos, se nos calarmos, se não agirmos.

Em que pese todos os erros que pode ter cometido o LULA, pelo simbolismo que encarna, de defesa do povo brasileiro, de democracia, de luta pelas injustiças, de um mundo para todos e não apenas o 1% abastado e opulento, pelo ideal de soberania e autodeterminação do Brasil e dos demais povos, tenho que dizer, em alto e bom som, mesmo que o Lula não me conheça e este não seja meu amigo, MEXEU COM LULA, MEXEU COMIGO.

O PT, em muitas questões, traiu, de fato, o povo brasileiro, como na questão da reforma agrária, por exemplo. Um país sério, que se quer pujante e com seu povo com alta estima elevada e soberano, jamais poderá existir com um sistema agrário como o do brasileiro.

O PT não enfrentou a reforma das leis e sistema de comunicações brasileiro, pelo contrário, reforçou este sistema nada democrático e colocou dinheiro público para alimentar o CÉRBERUS na esperança que este se acalmasse e pudesse implementar as políticas que acreditavam poder melhorar nosso país e as condições de nosso povo.

Seria normal e aceitável um mundo em que pessoas como Eduardo Cunha estão soltos, com todas as provas que existem contra ele, sabendo cada um de nós o que é representa e José Genoíno e José Dirceu estejam presos e condenados sem provas porque a “literatura jurídica” assim permite?

Seria normal e aceitável um mundo em que Lula esteja preso e FHC, O PUSILÂNIME, que deixou nosso povo morrer de fome, sem perspectivas, sem emprego, ao mesmo tempo em que comprava votos para se reeleger com apoio dos bandidos corporativos, judiciários e midiáticos, fique solto?

Mesmo que não tivesse um apartamento em Paris de milhões de reais, que seu salário de professor aposentado e de ex presidente, certamente não compraria, isto sem falar na sua fazenda Buritis, apartamento que deu para o filho, milhões arrecadados pelo IFHC mesmo com ele ainda presidente passando o chapéu a empresários no próprio Palácio do Alvorada, bebendo vinhos da adega do Palácio???

Como sustentou sua amante no exterior? De que forma se deu o empréstimo do BNDES para a GLOBO?

A política não é a arte de quem quer falar o que deseja sem embasamento em algo concreto, na realidade. A política é, no fim das contas, a nossa própria vida conquanto ela define como vivemos, uma mostra disto é como se desenvolveram os governos de FHC, LULA e DILMA. Não podemos ficar calados temos que escolher nosso lado, nos posicionar e lutar por aquilo que queremos para o nosso país e para o nosso mundo.

 

Fábio Brito – Lages- SC

Anúncios

4 comentários em “Lula Já Foi Preso? – O Estado de Direito em Frangalhos no Brasil.”

  1. Notícia de ontem nos noticiários de Espanha;
    “DILMA BLINDA A LULA”
    Curiosamente uma ex-prefeita de Valencia (Espanha) do partido de direita (PP) usou o mesmo recurso para nao ser julgada por fraude, corrupçao, delito fiscal…
    Nao pretendo “julgar” a nenhum político, nem muito menos seus adoradores. Mesmo porque as pessoas nao devem ser julgadas, e sim seus ATOS, e a eles me refiro. Penso que um político que se diz inocente deve ser o primeiro em dar a cara e buscar todos os recursos legais para provar sua inocência, ou do contrário assume perante a opiniao pública sua culpabilidade. “QUEM NAO DEVE NAO TEME”

    Curtir

    1. Querida Sara, agradeço, imensamente, seu comentário.
      Considero ele tão importante que me fez elaborar outro texto em que abordo a atitude de muitos brasileiros que estão mal informados por nossos meios de comunicação.
      Espero que ele seja de alguma valia para o seu esclarecimento para o que ocorre em nossos dias no Brasil.
      Lembro, ainda, que esta notícia pinçada num veículo informativo da mídia espanhola, também obedece a regra geral dos veículos de informação de todo o mundo, empresas tem interesses que, geralmente, são definidos por grandes empresas, como Shell, Monsanto e outras.
      Você já viu alguma destas empresas de mídia fazer alguma reportagem denunciando seus próprios anunciantes?
      Bem, é isto, espero, sinceramente, ter contribuído em algo.
      Um abraço, e, espero que mesmo que possamos pensar diferente nenhum de nós se esqueça que o outro tem o direito de pensar diferente e agir diferente, e que façamos todos com respeito às Leis expressas nas Constituições de nossos países.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s