FIM DO PT???

#AssembleiaNacionalPopularConstituinte

 

A COVARDIA É UM VENENO QUE, ALÉM DA VIDA,

LHE TIRA A ALMA!!!

Fábio Brito.

 

Será que o povo quer dizer alguma coisa ao PT? Veja abaixo.

OpiniãoCidadã

Todos assistimos, estarrecidos, ao show de horrores promovido pela Câmara dos Deputados no dia 17/04/2016. Vimos uma Câmara dominada por uma corja de criminosos e bandidos de todo naipe, julgando uma cidadã honesta e que honra ao gênero feminino e, mais que isto, a todo o seu povo, sendo julgada por gente sem caráter e sem honra.

Não podemos, no entanto, dizer que não sabíamos que isto iria acontecer. Todos nós, em verdade vimos o teatro sendo armado desde que o circo do Mensalão foi baixou sua lona. Denunciamos o GOLPE contra a Venezuela de Hugo Chavez em 2002, Honduras Manuel Zelaya em 2009 e o Paraguai de Fernando Lugo, a Venezuela, novamente, que volta a estar com o GOLPE às suas portas.

Todos sabiam que o CIRCO DOS HORRORES iria chegar até nós.

Sabemos como eles agem. E não tínhamos dúvidas que algo assim se daria em nosso país, mais cedo ou mais tarde.

A questão não são eles, pois os conhecemos bem e sabemos que eles são capazes de pisar no pescoço das próprias mães para chegarem onde desejam.

Então, a questão que se coloca a cada um de nós, é: por que permitimos que, isto que ocorre agora, esteja acontecendo? Por que não fomos capazes de nos precaver, e evitar, o que já sabíamos que eles iriam fazer? Nos ACOVARDAMOS???

O Partido dos Trabalhadores precisa fazer a inflexão, necessária, na direção de suas bases, escutá-las, implementar mudanças, e tomar as atitudes pertinentes e que a população e a militância espera dele.

Ninguém aceita mais ser usado como massa de manobra, toda vez que o PT tem problemas em sua brincadeira de política com a elite do país. O PT só se lembra de sua base, de sua militância, em momentos de crise, de resto vive de costas para ela.

Uma demonstração clara do que estou falando foi na época da reeleição da Presidente Dilma, em que o GOLPE já campeava a passos largos e claros e a campanha da presidenta parecia que dormitava, e, quando as coisas pareciam perdidas, a presidenta aumentou o tom denunciando a manipulação grosseira da revista veja, às vésperas da eleição, e as coisas se inverteram.

Medo1

Quantos de nós ficamos, ou temos ficado irritados, com as reações da cúpula do PT, ante os acontecimentos inacreditáveis em nosso país? Quantos de nós, já não pensou que esta cúpula petista é feita de COVARDES? Lembro-me, particularmente, de uma reunião de senadores do PT com João Roberto MARINHO, é, ele mesmo, um dos donos da GLOBO. Aquilo aconteceu mesmo? Me recuso a acreditar. Até hoje não acredito que os senadores do PT tenham se prestado a uma palhaçada daquelas, absolutamente inacreditável!!!

A militância precisa que seus líderes estejam próximos a ela para que mantenha seu ânimo em alta, e, com isto, possa dar as respostas rápidas quando acionadas por suas lideranças.

Se o PT e os sindicatos, bem como demais entidades dos movimentos sociais, não entenderem isto, pode ser que passem de líderes condutores das mudanças necessárias ao nosso povo, a pesos mortos, rebocados pela força revolucionária do cidadão brasileiro que, observando que seus líderes não mais os representa, na medida em que não os escuta e os represa.

Na busca de modificar as estruturas necessárias para a implantação de novas bases, que signifiquem a superação de séculos de injustiças perpetradas pelas forças que os oprimiam e os escravizava, o povo pode abandonar seus líderes de ontem.

Medo4

O PT está diante da esfinge, e a resposta que dará para ela, permitirá seguir em frente, representando as esperanças e os anseios dos brasileiros, caso contrário, poderá ser engolfado pela onda que se seguirá, com a deposição da Presidenta Dilma.

Desta forma, passarão para a lata de lixo da história, não apenas os traidores do povo brasileiro e adoradores da DEUSA PROPINA, mas, também, os defensores do povo brasileiro, que se esqueceram de escutá-lo, acreditando-se acima deles e dando ouvidos, tão somente, a seus próprios botões.

A Constituição foi rasgada e o Estado foi tomado de assalto por bandidos de todos os matizes: fraudadores da vontade popular, defensores de estupros e torturas, sonegadores, achacadores, assassinos, corruptos… representados nas excelentíssimas figuras de deputados federais e senadores que respondem a processos na Justiça, e outros, que a Justiça nem tem coragem de incomodar e soltam sem nenhuma investigação séria.

Que não pensem os petistas que eles irão parar por aí. Já se pode vislumbrar a possível CASSAÇÃO DO REGISTRO DO PARTIDO, não podendo impedir que seu líder maior seja candidato.

Que não se pense que eles irão para por aí. O capital corruptor não aceita afrontas e irá despejar todo seu ressentimento em uma avassaladora onda de perseguição judicial contra os sindicatos, visando quebrar a espinha dorsal da força e da organização das esquerdas, para contrabalançar a perda do poderio do CAIXA DOIS, representado pela perda da possibilidade de empresas comprarem, ou alugarem, políticos sob medida, para seus desejos abjetos.

A única saída diante para tal calamidade, que impera na casa legislativa nacional, seria uma renúncia coletiva dos parlamentares do PT, no Senado e na Câmara. Caso a Presidenta venha a ser deposta, e no dia em que isto ocorra.

PTConfronto

Quando nos deparamos com situações extremas, as respostas precisam ser na mesma altura, com o mesmo teor.

Desta forma, as lideranças petistas mostrariam ao povo brasileiro que não estão apenas de conversa mole com relação ao GOLPE que se avizinha e com o rasgar da Constituição brasileira, representada no ato de deposição da Presidenta e na caça insana a seus líderes, LULA à frente, tendo, inclusive, a possibilidade de cassação do registro do PT, como uma consequência não tão remota assim no horizonte de barbaridades a que estamos assistindo pelas telas do fascismo televisivo.

Será que iremos ficar olhando a banda passar diante dos nossos olhos novamente? Nada faremos? Continuarão os parlamentares da ala esquerda a continuar a babar nos microfones dos promotores do GOLPE? A GLOBO?

Com a renúncia coletiva, as lideranças petistas, e as demais que os acompanharem neste gesto, irão conquistar a simpatia do seu povo, que há muito tempo entende que o Congresso nacional, este congresso que está aí, não os representa minimamente.

Lideranças que não conseguem sentir para onde sopram os ventos da vontade popular, não se fazem aptas a seguirem liderando.

Uma crise se instala quando o velho já não atende as necessidades de antes e se recusa a aceitar tal fato, por outro lado, o novo não se faz forte o suficiente e fraqueja.

Em algum momento teremos que nos apresentar, a nós mesmos, e, olhando no mais profundo do nosso ser, reconhecermos que, sim, nós também erramos, e, se o mundo, e nosso país incluso nele, é o que é, temos alguma parcela de contribuição com isto. Não é mais possível olharmos para os lados e fazer cara de paisagem, fingindo que não nos diz respeito, que não é com a gente.

Medo

Quando, e se o Senado aceitar, por maioria simples, a abertura do “impeachment” nesta Casa Legislativa, os senhores senadores estarão dizendo ao povo brasileiro que a Constituição não vale nada, e, então, já não poderão mais voltar atrás, e, nós, também, não voltaremos atrás.

Começará, consequentemente, a contagem regressiva para fazermos uma nova Constituição para o Brasil e seu povo, agora em novas bases, pois ela será feita a 200 milhões de mãos, uma vez que todo cidadão poderá opinar, oferecer sugestões no texto da mesma, através da internet.

A previsão é que, durante um a dois meses, estejam abertos os encaminhamentos de sugestões ao novo texto, e, findo o mesmo, os diversos trabalhadores, representantes de entidades civis, como sindicatos, artistas, movimento dos sem terra, associações profissionais, os parlamentares que renunciarem aos seus mandatos, após instalada a discussão de “impeachment” no Senado, juristas e advogados, bem como representantes de todas as categorias profissionais, estarão unidos em busca do novo texto de Leis, que, por fim, irá buscar atender a todos os cidadãos brasileiros, no mais belo que temos, nossa diversidade cultural, tendo, como sua razão de ser, atender aos cidadãos que historicamente sempre foram deixados à margem da sociedade.

Um texto que pretenderá minimizar o formato injusto que temos hoje, estabelecido na forma de convivência desarmônica que privilegia os fortes e oprime e reprime o ator principal do nosso país, o seu povo.

As pessoas que, historicamente, sempre tiveram menos chances na vida, agora serão atendidas em suas esperanças ao terem leis que as protejam e lhe assegurem que, eles, também, fazem parte deste mundo e podem continuar a sonhar e trabalhar sem serem humilhados e menosprezados, sabendo, ainda, que seus esforços darão bons frutos.

Feito isto, poderemos seguir em frente, e iniciar uma verdadeira e vigorosa mudança nas estruturas de poder, que não mais representam aquilo que nossos sonhos e esperanças almejam.

Feito isto, poderemos tomar, em definitivo, os rumos de nossas vidas em nossas mãos e iniciar uma revolução que pela sua autenticidade e força, com a população inteira unida em torno de seus ideais, não poderá mais ser contida por nenhuma outra força, pois que terá o poder avassalador de séculos de represamento de desejos sufocados e reprimidos, por forças ilegítimas, que protegiam uma elite perversa e desumana.

Medo2

A ninguém será dado o poder de conter o que virá!

A FORÇA DA VERDADE E DA JUSTIÇA TRIUNFARÃO, POR FIM!!!

A nós, cidadãos brasileiros, neste momento, nos é colocada uma tarefa até muito simples, cada um de nós que concorde com o exposto neste texto, poderá intervir diretamente na história, ajudando a construí-la, através da divulgação das tags abaixo, o que fará libertar as forças da cidadania brasileira, almejando fazer a HISTÓRIA e não apenas assisti-la.

E que Deus ilumine o cidadão brasileiro e lhe dê esperanças de fazer a HISTÓRIA com suas próprias mãos e, ao fim, seja um resultado bonito e jamais visto, porque, caso ele entenda que alguns poucos não irão aceitar o seu protagonismo, agora descoberto, pode ser que ele mude de ideia e busque a alternativa possível, fazer JUSTIÇA com as próprias mãos.

Eles desencaparam o fio condutor da HISTÓRIA! Esperemos que não tentem deter o povo, que agora se APODERA do seu destino e reclama sua VOZ.

Não se pode subestimar, infinitamente, a capacidade de todo um povo que construiu um país como o nosso BRASIL. Que eles não ousem tentar barrar a reação popular, pois poderão sentir a poderosa energia que libertaram!!!

Os políticos perderam!!! Chegou a vez do povo!!! #AssembleiaNacionalPopularConstituinte

Dia 17/o4 os políticos corruptos venceram! Pra que mesmo? Chegou a vez do povo! #AssembleiaNacionalPopularConstituinte

Cunha ganhou o primeiro round, agora chegou o povo pra festa!!! #AssembleiaNacionalPopularConstituinte

Lula e Dilma perderam no dia 17/04 na câmara. Agora chegou a vez do povo! #AssembleiaNacionalPopularConstituinte

 

F. B – S. C.

Medo3

Anúncios

PCC NA DIREÇÃO E O COMANDO VERMELHO NO CORAÇÃO!!! TRISTE BRASIL!!!

 

“Quem quer assumir o poder é o PCC, Partido da Corja do Cunha.”

Deputado Silvio Costa, P. T. do B.

 

Enquanto deputados comemoravam a vitória da admissibilidade do “impeachment” da Presidenta Dilma e, na internet, as pessoas que eram contra a Dilma, aproveitavam para tripudiar dos defensores da legalidade, representada na continuidade de Presidenta à frente do Governo Federal, uma noite sombria se derramava sobre o Brasil, junto a ela, lembranças de horrores de outrora, mas, ainda assim, mais carregada e imprevisível quanto a seus desdobramentos.

O comandante do circo dos representantes do crime, Eduardo Cunha, sorria, desde o início, parecendo antever o massacre ante o Governo e os deputados que o defendem.

O sorriso de Mona Lisa que, somente para os conhecedores, escondia o de uma besta do sétimo quadrante, que vê se aproxima o momento que poderá se fartar do sangue dos demais e pôr de joelhos todos os seus opositores.

O presságio, a visão de um país inteiro entregue a criminalidade, pois que todos aqueles que estão sendo investigados e processados, uniram-se sob o manto da impunidade assegurada e garantida com a deposição de uma presidente, que mais que em nenhum momento da história anterior do Brasil, fomentou as investigações e deu uma autonomia aos órgãos investigadores do país nunca antes vista.

AtaquesdoPCC1

Um país inteiro sequestrado por uma “assembleia de criminosos” de toda espécie que, em seus números finais, revelou-nos o tamanho da bandidagem e dos comprometidos com ela e seus serviçais: 367 votos a favor do “golpeachment”. O ex Presidente Lula havia subestimado o potencial dos deputados brasileiros, ele acreditava que, os picaretas, eram apenas 300.

O surto psicótico que parecia dominar cada um, a ponto de levar a um transe coletivo, uma alucinação ampla que levou a explicações de votos que espantou o mundo e desnudou as entranhas do ardil de ratos, posto em prática para que se salvem a todos.

Com uma correção ao Deputado Silvio Costa, o Partido dos Criminosos do Cunha, tomou de assalto o poder no Brasil, expressado na votação pela Câmara dos Deputados no dia 18/04/2016.

O número é assombroso e revelador de um país, que, embora nestes treze anos, tenha tido diversos avanços sociais, manteve suas instituições estagnadas, como que vivendo numa bolha temporal, em que os movimentos delas parecem repetir o período da DITADURA de 64.

A tortura é regra nas Polícias Militares pelo país afora, e ninguém, que tenha um mínimo de conhecimento, pode negar isto, este fato está aí para quem quiser ver.

AtaquesdoPCC4

A questão crucial, a saber é, onde estávamos nós, humanistas, esquerdistas, democratas, que aceitamos e toleramos isto, ao ponto de este absurdo ter perdurado até os dias de hoje?

O caso Amarildo é um dentre centenas, milhares, que ocorrem todos os anos em nosso país, de torturas generalizadas que ocorrem em nossas corporações. O morticínio de jovens negros nas favelas pelo Brasil afora, nos transporta a uma época surreal, um período em que, no Brasil colonial, escravos fugidos eram capturados vivos ou mortos.

Hoje em dia, a tortura e morte de jovens negros, é defendida abertamente por pessoas que se dizem “jornalistas” que “justificam” o justiçamento de “supostos” criminosos que passam a sê-lo, pelo simples motivo de carregarem, em sua pele, uma tonalidade de cor mais escura. “Explica-se” a defesa veemente e se incentiva a assim se agir, pelo fato de que as autoridades do país e suas instituições de defesa da cidadania, expressa em suas polícias, não cumprirem com seus deveres.

Incentiva-se a barbárie, contra uma população indefesa, diga-se, pois que não tem as quantias necessárias em suas contas bancárias, para que os defensores da ignomínia, venham a socorrer-lhes.

Não são descendentes de ricos e poderosos empresários anunciantes destes veículos, logo, são parias que não deveriam existir.

E assistimos a uma sociedade doente, através de seus porta-vozes na mídia, pedirem para crucificarem sua população indefesa. Nada fazemos. Nos calamos. E quanto mais assim agimos, esta doença se alastra.

Contam-se às centenas, os diversos programas policiais sensacionalistas a esmiuçar os atos doentios de violência cotidiana pelo Brasil afora. Isto enquanto nossas crianças estão na sala e com este conteúdo livre e disponível para elas. Pancadaria, agressões de todo tipo, gritaria, ofensas, estupros, assassinatos, passam diante dos olhos das crianças de classe menos favorecidas, em horas como o almoço ou próximo das dezoito horas.

Será que a ninguém ocorre que a simples revelação destes crimes, principalmente nestes horários, tem o efeito de potencializar e incentivar mentes fracas a buscarem esta alternativa para a resolução de seus problemas ao se apresentar esta via como a mais fácil? Ou, ainda, como a via de “reconhecimento” dos bandidos de classe baixa para alcançarem a fama que, por outra via, dificilmente teriam sucesso?

A “glamourização” da criminalidade é o outro efeito de se permitir que este assunto não seja controlado nos horários de exibição dos mesmos.

AtaquesdoPCC5

E então chegamos ao dia da votação do “impeachment” em que um louco alucinado, que se acha no direito de defender a ditadura, de estuprar, ou não, mulheres quando bem entender, caso decida que haja “merecimento” para tanto, faça apologia à tortura, pratique crimes contra a sexualidade das pessoas, pelo simples argumento de “ser deputado” e continue impune, sem que nenhum órgão da Justiça brasileira o incomode.

Quando observamos uma pessoa doente como o Deputado Jair Messias Bolsonaro, andar tranquilamente pelo país, e seja “representante do povo” numa casa legislativa, podemos ver o quão doentia é a nossa sociedade.

Votar a favor de um “GOLPE” e usar deste momento para ofender a Presidente do País e toda a nação brasileira ao homenagear a figura de um dos principais torturadores da época da DITADURA, é algo que não tem como se conceber em nosso país, mas que tem explicação, quando observamos a tendenciosidade dos órgãos de defesa da cidadania brasileira.

Fosse algum líder dos sem terra, a mídia logo massacraria, prenderia e condenaria este ser abjeto, mas, como não o é, permanece livre a pregar os seus crimes sem que seja incomodado.

Quando os delitos são praticados pelos da Casa Grande, calam-se. Ninguém pede justiçamento. Assim se deu, quando Thor Batista atropelou e matou um cidadão, numa rodovia, ultrapassando todos os limites com o brinquedinho dado pelo seu pai, Eike Batista, uma Maclaren.

Será que os NAZISTAS se enxergavam como tal, diante do espelho?

AtaquesdoPCC6

Não somos gado para, simplesmente, aderirmos ao movimento de manada. O volume, a quantidade, não pode nos espantar, pois, se assim o for, sugiro nunca mais ler sobre fatos históricos nem a bíblia, pois ao ler sobre a Segunda Guerra, correrá o risco de se tornar fascista ou nazista, ou pior, aplaudir as bombas atômicas lançadas sobre Hiroxima e Nagasaki

Eles tinham volume, números, quantidade. E todas aquelas pessoas eram ou foram, um dia, pessoas de bem, então, o que foi que houve? Qual mudança radical ocorreu para que tantas pessoas se perfilassem ao lado dos facínoras?

Caso o movimento de deposição da Presidenta eleita atinja o seu objetivo final no Senado Federal, dias tormentosos nos aguarda.

Muito além de apenas termos as ruas cotidianamente de pessoas a protestar e greves a paralisar ainda mais um país que precisa urgentemente se levantar e se por em movimento em busca de sua recuperação econômica.

Sabe-se que qualquer governo ilegítimo só pode se manter com a repressão das vozes que ecoam nas ruas, em que grau isto se dará, ainda é uma incógnita, porém, em todos os círculos ela é dada como certa, principalmente quando se observa que os defensores da legalidade não pretendem aceitar tranquilamente e calados tal afronta à cidadania.

O maior problema , no entanto, é outro, uma vez com o governo brasileiro em mãos de criminosos, inclusive com senador traficante internacional, que teve helicóptero apreendido pela Polícia Federal com 450 Kg de pasta base de cocaína.

Além da desmoralização flagrante do Brasil no exterior devido a um grotesco GOLPE a sua Democracia, de que forma o mundo irá olhar o nosso país, sabendo que o seu comando estará nas mãos de gente com tal reputação?

Estando estas pessoas à frente do governo, permitirão a continuidade das operações, sem interferência, sabendo-se que, certamente, serão apeados do poder pela Polícia Federal e pela Justiça ao manterem-se a atual liberdade de investigações? Não nos parece plausível esta possibilidade.

O nível de criminalidade que já atinge as instituições brasileiras já nos causa arrepios hoje, o que se poderia imaginar quando esta criminalidade deter em suas mãos o poder maior de nossa nação?

Se o STF está acovardado hoje, qual seria seu comportamento diante do descontrole absoluto do avanço da criminalidade, o seu avanço nas instituições em diversos níveis e consequente o acobertamento pela mídia???

Não creio que poderemos ficar sentados à espera de uma resolução fácil destes questionamentos e nem deixar que as pessoas de sempre resolva os problemas que estão postos para nós.

Se a população não acordar e não tomar as rédeas de seu destino em suas mãos, poderemos viver um tempo mais tenebroso do que imaginamos.

Para que tenhamos uma pequena noção do que nos aguarda o futuro, se nenhuma medida tomarmos, disponibilizo abaixo o resultado de diversos anos de governo do PSDB à frente do Governo de São Paulo.

Que cenas como esta não venham mais a acontecer em nosso país, e que, se preciso for, passemos por cima das lideranças que estejam à frente da resolução das situações criadas pelos bandidos assustados com as investigações e com a Justiça em seu encalço.

Não podemos aceitar nada que a continuidade do governo eleito pela população brasileira, não poderemos aceitar que nossa Constituição seja rasgada.

 

F. B. – S. C.

A “Verdadeira” Crise que nos Atinge!

A tolerância e a argumentação sensata são as melhores formas de nos contrapor a um interlocutor fraco em suas ideias e que nos agride buscando nos humilhar. Respeitar um agressor não significa baixar a cabeça, significa não trairmos nossos princípios. A contraposição tem que estar no campo das ideias, sempre.

Fábio Brito.

 

É companheiro, devo concordar com você numa coisa, esta crise que está a nos atingir não é coisa pouca, mas, confesso, resolvi escrever esta carta porque não consigo ver como você e meus outros colegas, enxergam certas coisas.

Confesso que fiquei absolutamente assustado em perceber que, quase todos em nosso trabalho, pensam como você, e, embora não tenha podido debater com vocês a respeito do que se passa em nosso país, tenho que discordar das ideias fascistas que tenho escutado pelos corredores.

No entanto, não estou aqui para te julgar e, nem muito menos aos demais de nosso trabalho.

As ideias, com certeza, são fascistas, e, antes de isto representar um julgamento de qualquer um de vocês, como pessoas, é a constatação daquilo que o é, e não pode ser escondido, para que possamos conviver bem e sem problemas.

Meu espanto maior é que, apesar de serem ideias fascistas, não consigo enxergar em nenhum de nossos colegas, você incluso, pessoas que caibam no figurino de “pessoas fascistas”.

Me oponho, frontalmente, às ideias que vocês expõem todos os dias, mas não consigo ter o mesmo ânimo em me opor a nenhum de vocês, e isto me deixa confuso, o que está acontecendo?

O que temos de concreto? A inflação está alta? O desemprego cresce vertiginosamente? A corrupção nunca foi tão escancarada e num grau tão elevado e absurdo como nunca vimos antes?

Confesso que não tenho parâmetros sólidos para ter a certeza insofismável destas afirmações.

Ante ao meu espanto com relação às ideias fascistas, de pessoas que sei, tenho certeza, são pessoas de bem, apesar do pouco convívio que tenho com a equipe, fui tentar descobrir o que provocou, o que teria levado a cada um dos membros da equipe a ter um posicionamento tão diferente, a meu ver, do caráter de cada um.

Num dos textos que escrevi neste blog, existe uma afirmação muito interessante e que usei para representar a ideia de que, muitas vezes, mesmo não sendo, nós nos tornamos, devido a fatores diversos, o oposto daquilo que, verdadeiramente, somos: as pessoas que apoiavam Hitler, quando se olhavam ao espelho, não viam nenhum nazista lá.

Ouço falar que o Governo Federal está isolado, legal isto, estar isolado agora é argumento, no entanto, me pergunto, o que será que diriam quando era o Lula que estava à frente do governo e detinha índices de 86% de aprovação? E esta mesma Dilma, antes das jornadas de junho de 2013, (qual foram mesmo os motivos para elas terem existido?) detinha índices de aprovação de cerca de 70%?

Não acredito que possa ser possível, a quem quer que seja, mesmo a mais desatenta das pessoas, não perceber que, desde o dia em que saiu o resultado da eleição, no segundo turno das eleições de 2014, quando a Presidenta Dilma obteve 54.501.118 votos, o que representou o total de 51,64% dos votos, se trabalha diuturnamente para inviabilizar o seu governo e impedir que ela governe.

Eleiçao2014Presidenta

Quem poderia apresentar algum resultado positivo e rearrumar os rumos, sem que se tenha tido oportunidade para isto?

Dizer que não é GOLPE, claro que é, e para se ter a certeza disto basta se verificar, lá atrás, quantas foram as explicações para se justificar a intenção de não se deixar a Presidenta trabalhar e, por fim, se retirar ela de lá.

Seria preciso lembrar com quem as pessoas que desejam apear a presidenta do poder, se aliaram? Jair Bolsonaro e Eduardo Cunha, por exemplo?

Então, já de largada, não se pode argumentar que se pretende impichar a presidenta eleita, por causa de corrupção, não é verdade? Afinal, qual a acusação que recai contra a presidenta Dilma em relação à corrupção? Nenhuma, nada! Nem de Petrolão, Suiçalão, Roubo das Merendas das Crianças, Trensalão, HSBC Leaks ou Zelotes.

Curioso mesmo que, ao observarmos que mesmo não estando indiciada ou sequer, investigada em nenhum destes escândalos citados acima, o que se observa é que, justamente, as pessoas que buscam retirar a presidenta do poder é que estão citadas, investigadas e, algumas, indiciadas pela Justiça. Estranho, não lhe parece?

Mas o pedido de “impeachment” se refere a outras coisas, não é mesmo? São as pedaladas fiscais e os créditos suplementares, os tais “empréstimos”, que não teriam tido autorização da Câmara de Deputados.

A questão deste tipo de argumento é que, no ordenamento Jurídico, um dos pressupostos basilares é o de que não existe crime sem uma lei que o defina antes, o que significa dizer que, para a Presidenta Dilma estar passando por este processo agora, o TCU, ou o STF teria que ter provocado a jurisprudência em determinado momento, ou seja, se hoje o STF julgasse algum caso semelhante a estes da Dilma e entendesse que as ações praticadas não mais poderiam ser, sob pena de crime de responsabilidade, no ano seguinte, depois de publicado o acórdão, não se poderia mais recorrer ao expediente em questão no processo de agora, e que FHC e LULA se utilizaram dele, bem como diversos governadores o fazem no presente momento.

BrasilDoente

Outra questão, que salta aos olhos, é em como a nossa sociedade funciona, e quem ela visa privilegiar, que, aliás, é uma das formas que nos levam a agir e pensar contra a presidenta Dilma.

Ter RESPONSABILIDADE SOCIAL em cuidar de pessoas mais fragilizadas que a gente ao não deixar faltar o dinheiro necessário aos programas destinados a estas pessoas não pode, é crime, que tem que ser punido, indiscutivelmente, com a cassação dos 54 milhões de votos dos INDIGENTES que ela conseguiu. Nada mais rasteiro que este tipo de pensamento, me desculpe a sinceridade.

Os ricos e extremamente ricos, não tem do que se queixar. Criticamos o Bolsa Família porque estas pessoas tem que aprender a pescar, onde já se viu uma coisa destas, estas pessoas penduradas em nossos pescoços e nós tendo que sustentar estes “vagabundos”, que agora começaram a “parir um filho por ano para ganhar em cima da gente”.

Confesso que não tenho muito argumento se o nível da crítica for este, mas, circula na internet uma frase lapidar que serve de resposta a este tipo de pensamento: “Como explicar o Bolsa Família para pessoas que não sabem da existência da Lei Áurea?”

Ora, qualquer pessoa que trabalha em banco não pode dizer, minimamente, que não conhece os números de nossa economia, então, se nossa intenção é uma intenção honesta, por que não procurar saber qual o impacto direto de um programa como o Bolsa Família, na arrecadação do Governo Federal?

Enquanto o impacto do Bolsa Família representa 0,5% do que se arrecada, os rentistas abocanham 47,24%. Coisa pequena.

BolsaBanqueiro

O fato é que estamos acreditando que é normal e justo “expulsar” as pessoas de menor poder aquisitivo do banco, enviando elas para os correspondentes bancários como os Correios, lotéricas e rede cash, negando, de fato, atendimento a estas pessoas. Na outra ponta, atendemos clientes de bom poder aquisitivo, com banco em greve, antes de abrir a agência no horário programado e mesmo depois de fechado.

É normal isto? Será que este modo de agir não impacta em nossas ações diárias e nos fazem internalizar um preconceito adjacente contra estas pessoas “pobres” e seus defensores? Deveríamos pensar sobre isto.

Vivemos num mundo em que a competição é regra e você é levado a ser o vencedor. Geralmente, vemos opiniões de que “o segundo colocado é o primeiro derrotado”. Mesmo nos locais de trabalho mais civilizados, não podemos deixar de observar a filosofia capitalista dominante.

Roberto Justus e João Dória, são, para todos nós, pessoas de sucesso.

Gerdau e os irmão Marinho, da Globo, igualmente.

Será que damos a devida importância a uma denúncia de que o Grupo Gerdau pagou propina a fiscais da receita para sumirem com a dívida que tem com a Receita Federal? Achamos tão feio isto e, da mesma forma, como vemos uma “suspeita” difundida pela Rede Globo, contra o LULA, que não teria condições de comprar um barco de lata de R$ 4.000,00?

Aliás, qual o grau de credibilidade que reputamos à Rede Globo, depois que conhecemos o histórico de fraudes e crimes destas organizações criminosas que, inacreditavelmente, detém um poder fabuloso?

Vamos recordar alguns crimes da Globo?

Escândalo Proconsult;

Edição do debate de LULA X COLLOR em 89;

Escândalo TIME-LIFE;

Cobertura da Campanha das Diretas Já;

Sonegação de impostos da copa de 2012 com criação de empresa off shore para evitar pagar impostos;

Roubo dos documentos deste processo, para evitar pagar os impostos e as multas que ultrapassam o montante de R$ 1.000.000.000,00 (UM BILHÃO).

E, veja, nem falamos das fraudes cometidas em diversas matérias e reportagens cotidianas, a que somos submetidos, e que nem nos damos conta do grau de manipulação que se usa, para tentar nos fazer acreditar nas coisas mais absurdas e inacreditáveis.

Um pequeno exemplo disto do que falo, está aqui, neste mesmo blog, onde você pode observar o absurdo que é o que esta emissora faz, leia a matéria “Os 50 tons de GOLPE da GLOBO  e porque sua concessão tem que ser cassada já!!!”, e, ao final da matéria, veja a reportagem de 22 minutos sobre a Fome no Brasil, uma reportagem premiadíssima da Rede Globo. Tire suas próprias conclusões.

O que nos leva a ser quem somos? O que nos leva a agir e pensar o que pensamos?

O ambiente em que nascemos (cultura), a forma de organização da economia do lugar onde nascemos (sistema, capitalista ou socialista?), a filosofia, nossa família e as relações que estabelecemos, bem como amigos, acesso aos meios de comunicação, nosso caráter, escolas, nos ajudam a formar a pessoa quem somos e como agimos diante do mundo.

Muitas vezes não despertamos para aquilo que nos empurra para longe de nós mesmos, aceitamos fazer um trabalho que não gostamos muito, mas que precisamos para que paguemos nossas contas.

A convivência em sociedade também explica, um pouco, de como nos tornamos quem somos e como pensamos. Se frequentamos um clube, as pessoas com quem nos relacionamos lá, nos ajuda a formar um modelo de ação e pensamento.

Dificilmente iremos nos contrapor com a forma de pensar das pessoas, nos lugares que frequentamos, pois o desejo de aceitação e pertencimento, que é próprio de cada um de nós, nos impelirá, nos fará ver que, para pertencer a um grupo, precisamos comungar de uma maneira aproximada de agir.

O fato é que não devemos julgar ninguém, pois ninguém é só bondade, nem ninguém é só maldade, todos, indistintamente, tem dentro de si, a semente do bem e do mal, e, aquilo que nos define como sendo pessoas boas ou más, em parte, se refere a atenção que temos com as nossas atividades cotidianas, se refere a uma decisão nossa diante do que acreditamos ser importante e que nos fará escolher a uma das sementes, regar e cuidar da semente e da planta que ela irá se tornar.

Definitivamente devemos evitar que preconceitos tomem conta de nossos corações. Cada um de nós precisa um do outro e, sendo assim, devemos abrir nossos corações, para que somente as coisas boas estejam presentes em nossas ações.

A divergência de pensamento não deve, necessariamente, ser combatida, a diferença do outro, também nos ajuda a enriquecer o nosso próprio mundo e a nos tornarmos pessoas melhores.

A forma como imagino: Devemos ser os primeiros a questionar sobre tudo aquilo em que acreditamos e buscar melhorar, sempre. Este é um dos princípios da verdadeira Democracia, estar aberto a reconhecer que não somos donos da verdade e aceitar que, opiniões divergentes das nossas, podem ser melhores e aceitá-las, nos prontificando a implementá-las.

Continuo a me sentir em casa em Lages. As pessoas aqui são muito parecidas com as da Bahia, amistosas, brincalhonas, prestativas. No fundo, quando observamos o que é o principal e o que é detalhe, no relacionamento entre as pessoas, sabemos que a maneira de ser de cada um é muito maior e suplanta a forma de pensar e eventuais divergências que temos com as outras pessoas.

Sou obrigado a observar, portanto, que mais que uma crise real, econômica, passamos por uma crise ética, e de atenção das coisas que nos cercam e como elas funcionam. O nosso dia a dia, não tem nos permitido analisar com a profundidade, que se é merecida, os fatos e acontecimentos, nos levando a criar respostas superficiais a questões que são, de fato, mais profundas e exigem uma maior reflexão.

Criticar é muito fácil e acreditar que somos a pessoa certa num debate mais ainda, no entanto, temos que ter cuidado para não incorrermos nesta maneira de agir, pois se assim o fizermos, estaremos, apenas, nos colocando na platéia e estaremos a nos aplaudir efusivamente, enquanto passamos a desqualificar os nossos interlocutores, passando, por vezes, a fazer troça, chacota de suas opiniões, pelo simples fato que, tal pessoa, não concorda conosco.

E, o perigo disto acontecer é só um: já poderemos ter passado para o lado dos fascistas e nazistas e não nos aperceberemos disto, e, quando estivermos diante do espelho, estaremos a elogiar o fascista ou nazista que não identificamos em nosso próprio reflexo.

Para mim, o melhor amigo das ideias é um símbolo: “?”. Que coloquemos então a dúvida sempre à frente de nossas convicções. Questionar, é o melhor remédio para que não venhamos a nos colocar no lado errado da história e não venhamos a nos envergonhar do que fizemos ou deixamos de fazer.

A intolerância, que vivemos hoje, foi implantada recentemente nos corações e mentes dos brasileiros. Devemos nos atentar ao fato de que, quando recebemos uma bofetada, a reação imediata, é devolvê-la. Aqui neste espaço, tanto quanto em minha vida prática, tenho feito um esforço hercúleo de não cair nesta tentação, pois, quando revidamos uma agressão, mesmo que possamos sair desta refrega inteiros e o outro numa maca hospitalar, estaremos, por definitivo, derrotados, pois nos tornamos em um agressor igual a pessoa que nos agrediu primeiro.

Pensem nisto. Um abraço a todos e que Deus nos proteja nestes dias que virão e que nos dê muita sabedoria, para podermos acertar nas decisões que a vida está a nos cobrar.

 

F. B. – S. C.

Brasil elege a NOVA RAINHA DA INGLATERRA!!!

“Houve tiranos e assassinos…

E, por um tempo, eles parecem invencíveis…

Mas, no final, sempre caem.

Pense sempre nisto.”

Mahatma Gandhi.

Em votação histórica na Câmara de Deputados no dia 18/04/2016, 367 picaretas elegeram Mikail Temer a “nova rainha da Inglaterra”.

Temer se consolidou um grande, e despeitado, líder, ao enviar uma carta à Presidenta eleita do Brasil, por 54 milhões de votos, tendo sido ele o vice em sua chapa.

Nesta carta singela e comovente, o Sr. Temer revelava de suas agruras de ser um vice decorativo. Não se sabe ao certo, e não foi possível confirmar com nossas fontes de dentro do Palácio do Planalto, que ocorram festividades de Helloween dentro do Palácio, em que o vice tenha tido a sua utilidade alegada.

O Senador da oposição, Anécio Neres, prometeu entrar com novo pedido de impeachment contra Dilma, “caso esta informação de que o Palácio do Planalto esteja sendo usado para festinhas que não se coadunam com a cultura brasileira”.

Ainda não se sabe, ao certo, quando vai ser a coroação do Sr. Temer, mas o certo é que ele já demonstra ser um “grande estradista”, afinal, correr pelas estradas da vingança e traição, não é para qualquer um. “Política é a arte de aproveitar as oportunidades, não sabe? É preciso saber o momento certo, é preciso ter ‘filing’. Você, às vezes, tem que engolir alguns sapos, mas não pode perder a oportunidade de montar no cavalo quando ele passa encilhado à sua frente. Tem que sorrir amarelo e fingir gostar. E, de repente, todo seu esforço lhe mostra que valeu a pena”.

Felicíssimo com a promoção angariada, com a rasteira aplicada na companheira de chapa, que o projetou para o mundo, Temer fala em pacificar o país, em união.

Perguntado se a votação na Câmara em que recebeu 367 votos dos deputados pode ser mais representativa que 54 milhões de votos que recebeu Dilma, ele respondeu: “Já viu quem teve maior porcentual de votos? E outra coisa, aqui fui eleito em primeiro turno, e Zé Fini”.

Com a vasta experiência adquirida, está em seus planos, para os próximos meses, a publicação de um livro: Caminhada de um Homem de Visão. Seus desafetos não perdem tempo e dizem que o VISÃO dele é BLACK INFINITE e aceito em todos estabelecimentos de comércio. Outros dizem que o título mais adequado seria, “A Caminhada de um GOLPISTA, como ser promovido de vice decorativo a titular decoração”.

Deputado que não quis revelar o nome nos fala: “Temer não passa de uma “rainha da Inglaterra”, ele come nas mãos de Cunha, fará tudo que ele mandar, vai lamber as botas dele, não bastasse o temer estar comprometido com várias falcatruas, o Cunha tem provas que levaria ele para a cadeia, agora tem o IMPEACHMENT” que o STF mandou abrir contra ele, muita gente não percebeu, mas o Mello fez jogadinha com o CUNHA, o Temer, se pisar fora da linha que o Cunha riscou pra ele, vai abrir o IMPEACHMENT dele também e assumir Presidência, o mais curioso é que tem muita gente agora, chama o Mello de herói”.

Enquanto a entrevista se dava, uma senhora maltrapilha, aparência de velha mal cuidada e com nítidos sintomas de distúrbios mentais, passa próximo a nós gritando, “Triste das pessoas que tem Eduardo Cunha como herói, as pessoas que apoiavam Hitler, quando se olhavam ao espelho não viam nenhum nazista lá.”

Fiquei curioso e fui perguntar o nome dela: Justiça Infância Brasil.

Sem mais palavras meritíssimo.

F.B – S. C.

“TODO PODER EMANA DO POVO E A VERDADE NOS LIBERTARÁ”!!!

“hay que endurecerse, pero sin perder la ternura jamás”.

Che Guevara.

 

Estamos em 11 de abril de 2002 e o que acontece neste dia é de estarrecer a qualquer um: o Presidente da Venezuela, Hugo Chávez Frias, é detido por militares GOLPISTAS. O presidente da Federação Venezuelana de Câmaras de Comércio (FEDECÂMERAS), Pedro Carmona, assume a Presidência do país de forma absolutamente ilegal, sem nada que o justificasse, a não ser a “razão” golpista e o desejo dos que não tinham voto, nem apoio popular, e o que se segue, é algo absolutamente inominável. A Assembleia Nacional e o Supremo Tribunal do país, são dissolvidos e a Constituição revogada.

Imediatamente os EUA e a ESPANHA, reconhecem o novo governo venezuelano, lembra-se daquele reizinho que mandou o Chávez se calar certa vez? Pois é.

Após 47 horas de extrema tensão por todo o país, no entanto, Pedro Carmona, O BREVE, saiu correndo do Palácio Miraflores, não sem antes saquear os cofres do Palácio com os bandidos que o acompanhava, e Chávez retornou nos braços do povo, que, quando soube o que acontecia, saiu para as ruas em defesa da Democracia, do seu país e do seu governante.

Chávez retornaria ao cargo de Presidente da Venezuela, sem que a guarda leal a ele, tivesse que disparar um só tiro, devido ao massivo apoio popular.

Os fatos que ocorreram na Venezuela e que podemos encontrar muitas semelhanças ao que ocorre no Brasil, neste exato momento, também ocorreram em sequência, em Honduras, com a deposição do Presidente Manuel Zelaya, em 2009, e no Paraguay, em 2012, com o Presidente Fernando Lugo.

Analisar o que ocorreu nestes países, nos leva a entender um pouco do que passamos no Brasil de hoje. Uma trama internacional, movida pelos interesses escusos dos EUA, para mover estes países de volta à sua esfera de influência. Washington não tolera mais a “independência” destes países e fará tudo que puder para que estejamos alinhados aos seus interesses internacionais, quais sejam, o saque das riquezas mundiais, petróleo à frente, e o apoio de sua política de destruição dos demais países que apresente alguma ameaça militar contra si, como a Rússia e a China.

O inacreditável, no caso da Venezuela, é que podemos assistir, pormenorizadamente, aos acontecimentos pelos quais passaram o país, em um documentário impressionante que revela como tudo aconteceu. Disponibilizamos o mesmo logo abaixo, assistam, não vão se arrepender.

Além destes países, podemos encontrar muitos paralelos, muitas semelhanças do que ocorre hoje com o que aconteceu em nosso próprio país em 1964, bem como na Argentina e no Chile, mais adiante disponibilizamos documentário sobre o GOLPE no Chile.

Com relação aos fatos que podem levar o Brasil a um GOLPE DE ESTADO no dia de amanhã, domingo de 17/04/2016, eles zombam da inteligência de todo o povo brasileiro e tentam nos convencer que PEDALADAS FISCAIS, praticadas por diversos governos estaduais e que foram efetivadas por FHC e LULA, inclusive,são motivos para cassar a opinião do povo brasileiro representada em 54 MILHÕES DE VOTOS que definiram Dilma Vana Roussef, como a presidente do Brasil aos 26/10/2014.

Alegam ainda, que um governo, qualquer que seja ele, cumprir com sua RESPONSABILIDADE SOCIAL e não deixar de enviar os valores que precisa enviar, para manter os programas sociais que beneficiam milhões de brasileiros, que sempre estiveram relegados, por governos anteriores aos do PT, à própria sorte e morrendo à míngua, sem nenhuma preocupação dos seus governantes, é motivo para depor este governo.

O fato é que, não importa quais sejam as alegações que inventem, ontem foi a fraude na contagem dos votos, lembra-se, amanhã será o caixa dois, depois será o clima do Nordeste que favoreceu a Dilma, pois não chovia. Nenhuma explicação que eles venham a oferecer tem ou terá fundamento e irá justificar a irracionalidade daqueles que não estão a se preocupar se o país vai pegar fogo e entrará numa GUERRA CIVIL.

Estas pessoas não estão a obedecer mais às regras da lógica, não se preocupam com regra alguma mais, a bem da verdade.

Rasga-se a Constituição da República Federativa do Brasil, à luz do dia, porque contam, para estupefação de todos com o beneplácito de uma mídia corrompida e comprometida com quadrilhas de criminosos de toda a espécie.

CiaUSA

Rasga-se a Constituição, porque, além da cobertura logística desta mídia, tem interesses poderosos que lhe dão cobertura, como o aval do GOVERNO dos EUA, tendo OBAMA a CIA e a NSA a lhes orientarem os passos, com os movimentos das cordas dos FANTOCHES políticos da direita brasileira sendo manipulados milimetricamente.

Rasga-se a constituição, sobretudo, devido à importância do Brasil de hoje, diante do mundo, tendo saído de uma país INDIGENTE onde seu povo morria de fome há apenas TREZE anos atrás, para um país que se impõe ao mundo de forma soberana e autônoma e que não segue a cartilha ditada por Washington.

NSA-USA

Neste sentido temos obrigação de observar alguns acontecimentos dos dias que correm e que o nosso país leva adiante buscando firmar-se como um país soberano e com caminho próprio, deixando a posição de subalterno nas decisões que participa no jogo da GEOPOLÍTICA MUNDIAL.

O Brasil está por lançar um novo satélite que deverá ser lançado até o final de 2016 e servirá para dar autonomia nas comunicações militares do Brasil, que, neste momento, tem que alugar satélites privados de outros países para suas comunicações militares, porque, simplesmente, o governo lesa pátria do Sr. FHC, vendeu tudo que tínhamos na área estratégica das telecomunicações, incluindo no pacote o nosso satélite.

O Brasil está para lançar um cabo submarino de fibra ótica para a Europa, o que, também, vai nos livrar da dependência dos EUA e impedir, ou dificultar grandemente, que nossas comunicações sofram, o absurdo e inadmissível GRAMPO, que os EUA nos submete. Alguém aí se lembra do escândalo internacional em que a Presidente Dilma, Angela Merkel e a Petrobrás, entre outros tiveram suas comunicações interceptadas, ilegalmente e injustificadamente, pelos ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA???

Além disto, temos a criação com os demais países do BRICS, Rússia, Índia, China e África do Sul, do Banco de Desenvolvimento do BRICS, que é um Banco que se coloca como alternativa ao FMI e ao Banco Mundial.

Há TREZE ANOS além de não estendermos mais as nossas mãos de pedintes internacionais para obter empréstimos do FMI , emprestamos ao mesmo. Além disto, conseguimos renegociar nossa inserção neste órgão, aumentando nosso poder de influência e decisão, mesmo com a contrariedade de Washington.

Estamos a passos largos no avanço do desenvolvimento do nosso submarino Nuclear, e, recentemente, fechamos a compra de 36 caças Grippen NG da SAAB, em negociação com o Governo da Suécia que irá nos transferir a tecnologia para o desenvolvimento de nossos próprios caças num médio prazo. Além destas questões, é necessário observar que parte destes caças serão fabricados em nosso próprio território, com a possibilidade, inclusive, de exportar a sua venda a partir de nosso país.

Observa-se, ainda, o desenvolvimento do cargueiro KC-390 pela EMBRAER, que deverá transportar tropas e veículos para nossas Forças Armadas, que, em contradição aos tempos do FHC passava a pão e água e, agora, são respeitadas como partícipes e força importante no desenvolvimento de nosso país e na proteção de suas fronteiras e interesses.

Fácil é, observar que nenhuma destas notícias são agradáveis ao império terrorista dos EUA. É preciso deter o Brasil, agora, para que não almeje vôos mais altos em curto prazo, mas, se você acredita que estas questões são tudo, engana-se, pois o Brasil negocia, ainda, juntamente à Rússia e China várias aquisições de equipamentos e desenvolvimentos de tecnologias importantíssimas para a nossa defesa. Compra de sistemas antimísseis e antiaéreos e desenvolvimento de foguetes e veículos lançadores de satélites, são alguns exemplos disto.

Não podemos deixar de ver certas coincidências, como a deflagração da LAVA JATO contra as principais empresas nacionais, muito mais que um combate à corrupção de políticos e empresas corruptoras.

Acaso não está o Sr. Sergio Moro, sendo manipulado por Washington para prender as principais lideranças de esquerda que temos como LULA e DILMA e o principal partido da esquerda brasileira, o PT, visando sua total inviabilização?

NSA-USA

Ainda tem mais coisas que não podemos observar agora mas que, em breve, começaremos a ver, de forma igualmente inacreditável: A Lava jato, já prevista para acabar em dezembro, segundo palavras do próprio juiz Sérgio Moro, vai dar lugar a uma devassa nunca antes vista nos SINDICATOS brasileiros, cuja justificativa basilar, será, antes de qualquer uma que seja divulgada, a de destruir as chances políticas das esquerdas no Brasil de ter algum sucesso nas eleições deste ano, nas prefeituras e câmaras de vereadores.

Com o fim do financiamento privado das campanhas políticas, ante a proibição pelo STF, a direita brasileira, se movimenta para aniquilar a possibilidade de as entidades de trabalhadores de apoiarem seus candidatos, quanto as entidades patronais, a justiça brasileira irá se calar, de igual forma que se calaram e deixaram passar batidos graúdos políticos da direita como o Sr. Aécio Neves e, inclusive, Eduardo Cunha, que todos sabem mais sujo que cama de porco, mais sujo de pau de galinheiro.

O que se avizinha, para todos nós, é um absurdo e tenebroso período em que, mesmo vencida a votação deste “impeachment”, do dia 17/04, haverá uma sucessiva e incessante, tentativa de inviabilização do Governo Federal, que tenha a Presidenta Dilma à frente.

Pautas bomba, outros pedidos de “impeachment”, assassinatos de sindicalistas e lideranças políticas, intimidações de toda magnitude, principalmente levadas a cabo por Polícias Militares de governadores de oposição ao PT.

Não podemos nos iludir, o que virá por aí, não se assemelha a nada que tenhamos visto antes, e só poderemos vencer este período tenebroso, quanto mais estejamos preparados para ele, conscientes do que estas pessoas serão capazes e continuar nossa mobilização, para enfrentar com força e união, tudo que eles puderem arremessar conta nós.

Mais que isto, só sobreviveremos como uma nação viável e soberana, preservando nossas instituições e nossa Democracia, conquanto sejamos capazes, desde já, de partir para o ataque, pois, como é de nosso conhecimento através da linguagem futebolística, a melhor defesa é o ataque.

Devemos, vencida a votação deste domingo 17/04, buscar a cassação de todos os LÍDERES GOLPISTAS e seus apoiadores, como a REDE GLOBO e suas “organizações” criminosas.

A GLOBO NÃO PODE CONTINUAR A OPERAR NO PAÍS.

Os parlamentares petistas, não podem continuar a desrespeitar a população brasileira, fingindo um joguinho ridículo de gato e rato, como o Tom e Jerry da infância de muitos de nós, ao denunciar o GOLPE, que este veículo de DESINFORMAÇÃO do povo brasileiro está a patrocinar e, no instante seguinte, saírem a babar nos microfones da GLOBO, como se nada estivesse acontecendo.

A POPULAÇÃO BRASILEIRA, EXIGE QUE O PARTIDO DOS TRABALHADORES PROÍBA, SEUS PARLAMENTARES E FILIADOS, DE  SE COMUNICAREM COM ESTA QUADRILHA DE BANDIDOS, QUE SE CONHECE POR REDE GLOBO.

É INADMISSÍVEL, que parlamentares e filiados do PT, não entendam a situação pela qual este veículo está submetendo o país, e lhes dê algum tipo de informação!!!

Não devemos “temer” a tarefa hercúlea que se observa que teremos pela frente, pois o dia de amanhã irá nos cobrar com juros a nossa covardia de hoje.

Não pedimos para estar na situação em que nos colocaram.

Por anos e anos, sucessivos governos petistas buscaram conciliação com pessoas que não sabem o significado da palavra diálogo e acreditam que o país lhes pertence.

O que vemos agora é que a paciência destes foi lançada ao espaço e eles não irão voltar atrás em seu intuito criminoso, pois, se assim o fizer, colocarão a sua própria existência em risco, uma vez que as instituições do nosso país, agindo de forma democrática e republicana, mesmo tendo grupelhos aparelhados e interessados em investigar e punir um só dos lados, estão a baforejar em seus cangotes e no encalço de seus calcanhares.

Quase metade da arrecadação do Governo Federal é abocanhada por uma elite de, apenas, 71 mil famílias, segundo nos informou o cidadão Milton Pomar, em palestra com o Deputado Dirceu Dresch, na Câmara de Vereadores na cidade de Lages, ocorrida no dia 14/04.

Elucidadas algumas de suas aventuras, seria possível admitir que, nada, em nosso país, será como antes.

E nosso povo aguarda, ansiosamente, por este momento.

Portanto, não podemos fraquejar, não podemos dormir, não podemos desanimar.

Se eles estão agir com tamanha FEROCIDADE, é porque um pouco mais e todo o castelo de cartas que eles construíram, com a participação abjeta dos veículos de enganação/comunicação que temos em nosso país, irá ruir estrondosamente.

A cada movimento deles contra nossa caminhada, devemos dar dois. A cada ação, caberá uma reação nossa de igual monta, de forma firme e decidida.

Não perderemos nosso foco, buscamos a paz, somos tolerantes, somos democratas, tentamos o diálogo por anos a fio. No entanto, eles cruzaram a linha limítrofe de nossa paciência, e irão pagar por sua ousadia, sem que tenhamos que agir como eles agem, utilizando a mentira, a corrupção, os abusos, a violência e os assassinatos, para continuarem a se manter no poder.

Acaso no dia de amanhã, 17/04, eles venham a vencer a votação na Câmara de Deputados, temos que deixar claro, nada que venham a fazer, irá tirar do governo a Presidenta, na qual nosso povo confiou seu destino, através de 54 milhões de votos.

Ante uma ação ILEGAL DE DEPOSIÇÃO DE NOSSA PRESIDENTA eleita por seu povo, ante a revogação da Constituição da República Federativa do Brasil, representada neste ato, não nos venham a cobrar a agir numa ORDEM DEMOCRÁTICA DE DIREITO, que, então, não existirá mais.

“hay que endurecerse, pero sin perder la ternura jamás”.

Caminharemos, como sempre, sabendo que “todo poder emana do povo” e que “a verdade nos libertará”.

Hasta siempre compañeros. No teman pues la historia sonrie a los que luchan por la vida mismo que no la tengan más.

F. B. – S. C.

 

Sobre o GOLPE no Chile contra Salvador Allende:

 

 

FALTAVA CORAGEM???

“Coragem é o preço que a vida exige em troca da paz.”

Amelia Eahart.

 

 

Ainda existe esperança, leiam:

 

Nota da Direção Nacional do PT sobre o GOLPE.

Em meio aos acontecimentos dos últimos meses no país em que se levantam forças ocultas, e nem tão ocultas, contra o Governo Federal e contra a presidenta eleita Dilma Roussef, em quem mais de 54 milhões de brasileiros votaram, confiando os destinos do Brasil a ela, vimos informar aos filiados do PT e a seus parlamentares.

Em coerência às denúncias da presidente Dilma, e do Partido dos Trabalhadores, do flagrante GOLPE às instituições brasileiras, à Constituição da República Federativa do Brasil e à Democracia, a Direção Nacional do Partido dos trabalhadores, reunida em Brasília nesta noite de 12/04/2016 resolve:

Em observância da identificação de que o principal veículo de apoio ao GOLPE e principal elemento de desestabilização da Democracia no Brasil e, por conseguinte, do Governo Federal, é a REDE GLOBO e os veículos de suas “organizações”, vimos;

  1. Determinar, a partir desta data, a proibição de todo e qualquer filiado de dar entrevistas, de qualquer tipo, por e-mail, ao vivo ou por gravação, para qualquer veículo das Organizações Globo ou suas afiliadas;
  2. Determinar, a partir desta data, a proibição de todo e qualquer parlamentar, de comunicar-se por qualquer meio, seja por notas, entrevistas, ao vivo ou por gravação, para qualquer veículo das Organizações Globo ou suas afiliadas;
  3. Os parlamentares do PT, a partir desta data, irão apresentar no Congresso Nacional, tanto na Câmara dos Deputados quanto no Senado Federal, solicitações de CASSAÇÃO dos direitos de transmissão da Rede Globo, através de ondas de rádio e de televisão, visando livrar o país de órgão tão nefasto, e que atenta, diuturnamente, contra a Democracia do Brasil e contra a nossa soberania, com independência, na inserção de nosso país nos diversos órgãos internacionais e, com os demais países, em relacionamentos diretos;
  4. Os parlamentares do PT, após decisão de votação do “impeachment”, na Câmara dos Deputados deste dia 18/04/2016, independentemente do resultado da mesma, irão apresentar solicitação de cassação dos mandatos dos líderes parlamentares que estão a levar adiante esta tentativa de GOLPE no Brasil, pouco se importando em levar o país a uma GUERRA CIVIL, buscando inflacionar as divergências entre sua população, no intuito de alcançar seus objetivos, quais sejam, a deposição da Presidenta Dilma, legitimamente eleita por 54 milhões de votos, e impedir as investigações judiciais que recaem sobre a grande maioria dos parlamentares que lideram a tentativa de GOLPE;
  5. Igualmente, os líderes que não detenham mandato parlamentar, serão denunciados nos órgãos judiciais competentes, visando a sua responsabilização, diante não só da onda de violência crescente no país e que jogam cidadãos brasileiros contra seus irmãos mas, também, pela paralisia do país diante da insegurança provocada por seus atos e o prejuízo advindo de tal situação.

 

Desta forma, o Partido dos Trabalhadores, vai ao encontro dos anseios de toda a população brasileira, que tem clamado nas redes sociais e nas ruas de nosso país, por uma atitude enérgica de sua direção, no rumo de não tergiversar com pessoas que não mais possuem, sequer, possibilidade de convívio civilizado dentro de nossas fronteiras, por estarem, flagrantemente, não só buscando a derrocada dos marcos civilizatórios, tão duramente conquistados por todos nós ao lutarmos contra a DITADURA, mas a uma convulsão social, em que o maior prejudicado será o nosso povo, com possibilidade, inclusive, de perdas humanas, com a crescente onda de violência e intolerância, perpetradas contra o cidadão brasileiro.

Desta forma, para não deixar sombra a dúvidas, nomeamos os principais líderes desta IGNOMÍNIA denominada de “impeachment”, que nada mais é que um GOLPE, travestido de legalidade prevista em nossa Constituição, mas que nem uma mísera linha de verdade pode-se encontrar no parecer votado em sua comissão.

Sr. José Serra, Sr. Paulo Skaf, Sr. Fernando Henrique Cardoso, Sr. Eduardo Cunha, Sr. Aécio Neves, Sr. Aloysio Nunes, Sr Romero Jucá, Sr. Sergio Moro, Sr. Gilmar Mendes, os irmãos Marinho, Sr. Miguel Reale Junior, Sra. Janaina Conceição Paschoal, Sr. Geddel Vieira Lima, Sr. Henrique Eduardo Alves, Sr. Wellington Moreira Franco, Sr. Michel Temer, Sr. Pauderney Avelino, Sr. Ronaldo Caiado, Sr. José Agripino Maia, Sr. José Carlos Aleluia, Sr. Geraldo Alckmin, Sr Rodrigo Janot.

Caberá ao Partido dos Trabalhadores, através de seus advogados, buscar, através de todos os meios legais disponíveis, a EXPATRIAÇÃO, O DESTERRO, A CASSAÇÃO DA CIDADANIA BRASILEIRA de todos os líderes nomeados anteriormente e aos que sejam identificados a posteriori, devido aos graves CRIMES COMETIDOS CONTRA A PÁTRIA E SEU POVO, alguns, inclusive, já citados acima.

Direção Nacional do Partido dos Trabalhadores.

Brasília, 13/04/2016.

NelsonMandela-Coragem

Quisera eu que este texto, ou algum outro próximo a este, fosse verdade, mas o fato é que ele não passa de um desejo de minha alma de que a cúpula do PT acorde e siga a sua militância, que está,dia após dia, na linha de frente, enfrentando todo tipo de hostilidades para, um dia, ver o nascer do Sol em nosso país em que, nossos irmãos, não serão excluídos de apreciá-lo e que, os responsáveis pelas dores de nosso povo, irão vê-lo nascer quadrado, por terem sido condenados por uma justiça que não veja o quanto dinheiro tem os que julga, nem a cor partidária destes, mas irá observar a realidade dos fatos a que foram levados diante dos tribunais e serão apenados de acordo com suas ilicitudes.

Esta é uma esperança que carrego dentro de mim.

A Direção do PT, está, desde já, autorizada a usar este texto em sua íntegra ou em parte.

F. B. – S. C.

 

Abigail-Caráter

Gostaria de dividir com todos um excelente texto que encontrei em minhas navegações e que acredito que seja de extrema CORAGEM ao nos revelar de forma direta e objetiva o que encontramos nele, leiam.

 

Quem são as vozes das ruas?

A FOTO QUE ASSUSTOU O MINISTRO LUIS ROBERTO BARROSO – STF – E O BRASIL.

Golpistas

Prezado Filósofo e Escritor Jerônimo José de Matos, Recife, PB

Sou-lhe agradecido pelo que considero avaliação extremamente positiva que fez de meu texto reproduzido pelo site Brasil 247. Creia-me que suas palavras caem em mim em forma de incentivo e solidariedade.

Em diálogo paciencioso com as diferentes forças que se embatem nesta conjuntura do capitalismo dependente e rentista, fragorosamente maléfico e decadente, às vezes, mesmo enojado com a imbecilidade e falta de caráter da oposição, ligo s canais das TVs Câmara e Senado para ouvir os  discursos que mais se parecem a latidos de pitbull – cães com desvios de origem e descontrolados. De modo absolutamente cínico e vazio, depois das manifestações da direita no dia 13 de março de 2016, os covis de deputados/as e senadores/as, sem argumentos sérios, se referem ao que chamam de “vozes das ruas”, como determinante para o golpe.

Mas quem são as tais “vozes das ruas” representadas pela edição 13 de março?

Pode se dizer que banqueiros arrastando cachorrinhos de madames e crianças empurradas por escravas são “vozes das ruas”?

Ou, quem sabe, os que gritam “somos milhões de cunhas” – cafajeste, ladrão, mentiroso, evangélico fundamentalista das bancadas da Bíblia, da bala, da bola e do boi – são as tais “vozes das ruas”?

Misturando-se aos patrocinados pela golpista FIESP, que despejou milhões de reais arrancados dos corpos explorados dos trabalhadores, são “as vozes das ruas”? Da mesma FIESP que apoiou e ajudou a sustentar o golpe e a ditadura nascida do imperialismo em 1964. Da FIESP que, de modo safado, inspira a corrupção e a sonegação usando o pato ridículo empunhado pelos lobos de Thomas Hubbes em marcha pela Av. Paulista.

As “vozes das ruas”, que os “nobres” pitbulls golpistas do Congresso Nacional tanto invocam, quem sabe, são as do fascismo que faz cara feia, pensando que amedronta patriotas e lutadores, invocando intervenção militar em golpe contra a democracia?

Quem sabe, ainda, são “vozes das ruas” os fundamentalistas de toda a espécie, intolerantes e covardes que se escondem sob as trevas das noites para arrombar sedes das entidades do povo e para ofender cidadãos e cidadãs honestos/as em suas casas e em seus lazeres?

Ou quem sabe “as vozes das ruas” são as dos apoiadores da delinquência criminosa, sem bom senso, do provocador a serviço do moralismo fariseu, do filho da ditadura e do demotucanato Sérgio Moro?

Pode-se, honestamente, afirmar que são “vozes das ruas” os analfabetos políticos e alienados, igualmente golpistas e facínoras – digamos sem compactuarmos com sua traição à democracia – que, sem nada saber e com ódio de quem sabe, servem de bucha de canhão aos golpistas?

Devemos aceitar que são “vozes das ruas” os que conscientemente e os também usados ignorantemente pelas corporações multinacionais – parideiras de guerras de rapina pelo mundo – ansiosas por roubar nosso pré sal,  nossa Amazônia e nossas grandes empresas agora travadas pelas molecagens da Lava Jato e pela delinquência política e econômica emergente dos porões golpistas de Curitiba?

Ou, igualmente grave, são “vozes das ruas” as barbaridades insufladas pela hipocrisia golpista, fascista, diabólica e traidora da democracia e da Pátria, da empresa Globo, da família de glutões e ladrões de impostos, os Marinho?

Os cheirosinhos acostumados a deslocamentos de helicópteros, de carros de luxo à prova de balas, dirigidos por motoristas, muitos maltratados pelas madames, outros coniventes de golpes e assaltos tramados no interior dos veículos dirigidos por eles, transportando magnatas burgueses apodrecidos, que não sabem o que são as ruas de verdade, são as tais “vozes das ruas” identificadas pelos pitbulls que compõem os picaretas do Congresso Nacional, com Eduardo Cunha no comando com seu deus ladrão?

Não! Definitivamente essas não são as vozes das ruas!

São, na verdade, vozes abutres, da traição e do golpe contra a democracia, contra a Pátria e contra os direitos sociais!

Os que ocupamos as ruas nos dias 18 e 31 de marco de 2016 – faço questão de anotar este ano histórico – é que somos legitimamente as vozes das ruas.

Somos os/as camponeses, os/as trabalhadores, as mulheres, os/as jovens – muitos/as jovens – os negros/negras, os/as operários/as em plenas noites de semana, os/as indígenas, os/as empresários/as, os/as intelectuais –  que não são burros leitores de manchetes podres e de editoriais de jornais golpistas – os/as parlamentares democratas, os/as artistas, os/as religiosos/as de todas as denominações e tradições – que não se alienam como os Silas Malafaia e os Padres Paulo Ricardo e Marcelo Rossi etc.

Somos nós as verdadeiras, legítimas e consagradas históricas vozes das ruas.

Somos acostumados/as com as ruas. Por elas transitamos todos os dias, mês a mês, ano a ano, indo e vido para o trabalho e para os estudos, produzindo as riquezas deste País, roubadas e assaltadas por empresários estilo FIESP e banqueiros, sangradores de nosso sangue.

Somos as vozes das ruas porque defendemos radicalmente a democracia com muito, mas muito mais democracia com justiça social.

Somos as vozes das ruas porque sabemos ler e interpretar a realidade contraditória de nossa luta.

Lutamos contra o golpe e contra os golpistas de todos os naipes. Mas também lutamos para derrubar os paradoxos obscenos do governo Dilma, que acende uma vela ao diabo e outra a Deus.

Nossas vozes nas ruas e das ruas, por onde transitamos e onde adoramos fazer festas e celebrações, são legítimas porque expressam a organização para a luta e não a dispersão eivada de interesses mesquinhos dos pittbuls golpistas.

Nossas vozes das ruas saem dos sindicatos organizadores da classe trabalhadora, dos partidos, da produção do conhecimento, da verdade, da luta cotidiana e invade os poderes exigindo mais verdade e mais justiça social.

Nossas vozes das ruas são as manifestações de nossas consciências corajosas, alimentadas pelo sangue e pelo sacrifício dos mártires que não se acovardaram no passado sob as fragatas e dólares dos golpistas do Norte da América.

Sabemos dos riscos. Podemos barrar o golpe em marcha. Mas se não o impedirmos – creio que o impediremos, pois nas ruas não brincamos – é certo de que os golpistas não terão tempo de assaltar o Brasil roubando de nós a Petrobras, o Banco do Brasil, o BNDS, a Caixa, o pré sal e a democracia. Nós os expulsaremos rapidamente, tamanha será a decepção que causarão em toda a população brasileira, roubada nas conquistas destes últimos anos de governos medianamente populares.

Daí a luta será muito mais frutífera!

Quem viver, verá!

Nós somos as vozes das ruas. Avante, sem medo e unidos/as!

  • Abraços críticos e fraternos na luta pela justiça e pela paz sociais.
  • Dom Orvandil, OSF: bispo cabano, farrapo e republicano, presidente da Ibrapaz, bispo da Diocese Brasil Central e professor universitário, trabalhando duro sem explorar ninguém.

CocoChanel-Coragem

PUNIÇÃO AOS GOLPISTAS: É O QUE EXIGE A DEMOCRACIA NO BRASIL!!!

“E o povo é como – a barca em plenas vagas,

A tirania – é o tremedal das plagas,

O porvir – a amplidão.

Homens! Esta lufada que rebenta

É o furor da mais lôbrega tormenta

– Ruge a revolução.” Castro Alves

 

É muito interessante quando encontramos algo que se encaixa perfeitamente ao que estamos pensando, e ao qual pretendemos nos movimentar, para buscar resolver um problema que observamos.

Estive, por vários dias, a pensar no que faremos com “nossos GOLPISTAS” quando, por fim, derrotarmos esta palhaçada que eles chamam de “impeachment”. O abaixo-assinado mais adiante veio ao encontro daquilo que pensava e queria expressar, recomendo sua leitura e que se assine e divulgue.

Como iremos agir, nos dias seguintes ao derrubarmos as tentativas de GOLPE por que passa nossa jovem Democracia?

Iremos permitir que, os que buscaram conflagrar o nosso povo, sem medir as consequências dos seus atos, permaneçam impunes transitando livremente e pregando novos golpes?

Permitiremos que ocupem as tribunas para continuar a sua doutrina de conflagração, e incitação à GUERRA CIVIL, em nosso país?

GuernicaPabloPicasso3

Continuarão a causar todo tipo de danos à nossa sociedade e nossa economia, buscando um desgaste de tal monta do Governo Federal, visando poderem, num futuro possível, caso suas ações não sejam impedidas, alçarem ao governo de nosso país, por cima dos escombros de nossa economia e da desgraça do nosso povo?

Vencido o GOLPE, não creio que isto seja possível! Não podemos permitir que eles continuem agindo assim. É preciso haver uma punição aos golpistas, sob o risco de inviabilizarem o nosso país com a criação de crises diuturnamente até que consigam atingir seu intento.

Nossa sociedade, mobilizada para DEFENDER NOSSA DEMOCRACIA, deve continuar mobilizada e pressionar, tanto o Congresso, quanto nossa Justiça, para que estas pessoas, que só buscam o PODER, não se importando sobre o que ou quem, precisem passar por cima para alcançarem seus objetivos, sejam punidas de forma exemplar, de acordo com nossa lei, para que jamais isto se repita.

Penso que, no mínimo, OS LÍDERES DO GOLPE, TEM QUE TER SEUS DIREITOS POLÍTICOS CASSADOS!!!

Penso, além disto, que não podemos mais conviver com estas pessoas. Não há mais espaço, para elas, entre nós, e, assim sendo, temos que cassar, não apenas seus direitos políticos, mas a cidadania destas pessoas.

Como tolerar entre nós, indivíduos que demonstram tanto apego ao poder e tanto desamor aos nossos irmãos a ponto de levarem a uma guerra entre si?

Não vejo isto como um cenário possível a um povo que tem vergonha na cara! A punição que vejo como a recomendada a tais criminosos, antes de exagerada, é a única possível, que fará justiça a seus atos, pois, todas as outras, serão mero afago para quem não pensou, um segundo sequer, em tocar fogo em nosso país. É a única que poderá por fim às hostilidades dos coveiros de nossa Democracia.

PatoFiesp1

Como faremos isso?

Este é o debate que se coloca a cada um de nós neste momento, e este blog, humildemente, se coloca como mola propulsora a instrumento tão edificante da cidadania brasileira, que aflora em cada um de nós, em busca de que nossa cidadania seja respeitada por todos e não seja um joguete nas mãos dos facínoras de plantão, disfarçados de cordeiros, mas que não suportam a derrota e mostram total desdém por nossas leis.

Também pudera, que tipo de sentimento eles poderiam nutrir pelo povo brasileiro que, mesmo possuindo eles todo o cabedal de instrumentos que possui, para influir na decisão soberana de nosso povo, e, mesmo assim, este povo os derrota nas urnas?

Com todo o tempo de TV, e apoio escandaloso que a grande mídia lhes devota, todo o poder econômico que os grandes empresários sonegadores e corruptos, lhes “emprestam”, todo o aparato educacional brasileiro, montado para “emburrecer” nossa gente e facilitar a confusão da propaganda. Não, estes GOLPISTAS, nunca, jamais, terão apreço algum pelo povo brasileiro, não querem se misturar.

Desta forma estamos aqui, na linha de frente da Democracia brasileira, junto a muitos outros, e pedimos a você, que está lendo este texto, que participe ativamente neste debate. Dê sua sugestão nos comentários deste blog e nos demais que você prefere e sempre acompanha, mande um vídeo para nós (pedimos limitar em 30 segundos) através do endereço rebeldesilente@gmail.com , envie um e-meio ou participe de outra forma que você encontre e que possa ser mais eficaz.

OGloboeaDemocracia1

Para começar, acredito que todos nós devamos apontar as lideranças deste golpe, que eles tentaram contra nosso país, nossa Democracia e nosso Povo.

Gostaria de identificar, em primeiro lugar, o sr Paulo Skaf, pelas razões que todos sabem, estar à frente de órgão empresarial, FIESP, e arrecadar junto ao caixa 2 destes mesmos empresários, dinheiro para financiar o GOLPE.

Em segundo lugar, os irmãos Marinho, que usam escandalosamente uma concessão pública para tramar o GOLPE, através da promoção de bandidos como Eduardo Cunha, tendo escondido todos os seus mal feitos, para que chegasse à presidência da Câmara de Deputados e, também, com a “cobertura isenta e imparcial” dos protestos, conclamando, absurda e flagrantemente, o povo para as ruas, para protestarem contra a Presidente Dilma e nada ou quase nada mostrando das manifestações a seu favor.

E, em terceiro lugar, o próprio Eduardo Cunha, que, sejamos sinceros, dispensa apresentações.

OGritoEdvardMunch

Adicionem nos comentários, outras pessoas que vocês consideram serem líderes deste GOLPE. Deixem suas sugestões e assinem o abaixo assinado e o divulguem, peçam para todos que você conhece que o assine também.

Grande abraço a todos(as).

 

F.B – S.C.

 

O texto abaixo foi retirado do blog O Cafezinho, agradecemos aos “cafezistas” pela divulgação do mesmo.

 

Abaixo-assinado pede punição aos golpistas e às violências da Lava Jato

no Change.org

Em face da sucessão de fatos que tem mantido a sociedade brasileira em constante transe, instigando ódios que conduzem a um iminente risco de confronto social, e isso em íntima relação com os rumos que o juiz Sérgio Moro tem dado à operação Lava jato, e considerando ainda:

1. Que a Lava Jato, para chegar aos seus objetivos políticos, fez da delação premiada a sua regra, convertendo as penas de 13 grandes corruptos, de um total de 283 anos de prisãopara menos de 7, o que revigorou a impunidade e deu novo incentivo à corrupção.

2. Que já desde 2014, a Lava Jato vem sendo questionada por seus métodos, e o próprio Ministério Público Federal (MPF) denunciou suas práticas – prisões temporárias prolongadas, privação de banhos de sol, e de contatos com advogados – como “violações de direitos humanos”.

3. Que a  Lava Jato abdicou de seu objetivo jurídico ao buscar fins políticos atropelando e pondo em risco as bases do estado de direito, as garantias e direitos fundamentais duramente conquistados pela sociedade brasileira;

4. Que a Lava Jato, para alcançar esses fins políticos, conduziu um “ex-presidente da República debaixo de vara”, como disse o ministro do STF Marco Aurélio de Mello, desprezando todas as garantias individuais asseguradas pelo Estado de Direito, base da Constituição brasileira.

5. Que a Lava Jato instigando ódios, em grande medida nascidos do segundo turno das eleições de 2014, tem posto em risco a harmonia social, fundamento da sociedade brasileira segundo o Preâmbulo da constituição federal.

6. Que a Lava Jato manteve por dois anos as investigações contra o ex-Presidente Lula e a presidente Dilma sem deparar qualquer prova de corrupção e, diante desse resultado, ao invés de conter-se, insistiu na punição extra judicial de ambos, pelo assédio moral, ao fazer a condução forçada de Lula para depoimento, e pela violação da intimidade, ao divulgar gravações de conversas privadas da Presidente, sem nenhum respaldo legal.

7. Que a Lava Jato articulou-se, há muito tempo, com a mídia para o vazamento sistemático de informações sigilosas, atropelando a Constituição, as leis ordinárias, e a normalidade democrática do país, e se constituindo num dos centros de articulação das manobras golpistas.

Viemos, como População Democrática do Brasil, a base do poder constituinte propriamente dito,  diante deste Superior Tribunal Federal, órgão máximo de garantia e resguardo da Constituição e, portanto, do Estado de Direito e da Democracia no país, exigir que:

1)  Abram-se imediatamente as investigações contra todos aqueles que, continua e sistematicamente, vêm atentando contra as instituições da justiça, a paz social, o estado de direito e à democracia. Que sua punição, baseada estritamente na lei, sirva, agora e no futuro, para dissuadir os conspiradores e golpistas que, derrotados nas urnas, busquem violar a democracia para chegar ao poder.

2)  Que se dê à Lava Jato um novo rumo, dissociado de objetivos políticos que são totalmente discordantes de seus fins institucionais, que são os de investigar e punir os graves desvios e os esquemas de corrupção que produzem enormes prejuízos ao país.

3)  Que os “vazamentos” da Lava Jato, fator que mais sistematicamente tem induzido ao ódio e à confusão na sociedade brasileira nos últimos meses, e que mantém a sociedade em permanente sobressalto, sejam investigados, seus autores identificados e punidos conforme as leis vigentes.

Considerações adicionais:  

A OPERAÇÃO LAVA JATO, tendo iniciado como ação pública urgente e necessária ao combate à corrupção endêmica no país, extrapolou todos os limites da legalidade e passou a se dirigir contra as bases do Estado. Ao invés de servir ao fortalecimento do ESTADO DE DIREITO e ao amadurecimento da DEMOCRACIA no Brasil, inverteu seus fins ao desvirtuar a lógica jurídica em nome de objetivos políticos.

Sequer se deteve diante do risco de acender um confronto social de larga escala, inflamando os ódios nascidos no segundo turno da eleição presidencial em 2014. O juiz Sérgio Moro, através de vazamentos planejados e seletivos, tem apostado sistematicamente no confronto social, jogando na cisão do Brasil precisamente quando o mundo assiste horrorizado à tragédia da Síria, arrasada pela guerra civil, e reduzida a montes de escombros e de cadáveres.

Já desde 2014, se dirigem questionamentos à Lava Jato, e o próprio MPF denunciou “violações de direitos humanos – prisões temporárias prolongadas”, privação de banho de sol e de contato com advogados, “com o objetivo de obter delações premiadas”. Ao violar direitos humanos, a Lava Jato desrespeitou direitos fundamentais e garantias constitucionais.

O dia 04 de março de 2016, porém, é quando a Operação entra propriamente no domínio aberto do terror. E isso já se revela pelo nome dado à operação, Aletheia,  termo tirado do vocabulário do filósofo nazista Martin Heidegger, duramente punido na Alemanha do pós-guerra por seu envolvimento com o regime de Hitler.

De 04 de março a 1º de abril, em menos de 30 dias, foram quatro fases da operação (24ª fase, 25ª fase, 26ª fase e 27ª fase), a maior concentração desde o seu início há dois anos e o maior número de abusos à Constituição. Trata-se de um ensaio geral para substituir o estado de direito pelo estado policial.

Os fatos das últimas quatro semanas estão por demais presentes, o que nos dispensa de descer aos detalhes: em resumo, tivemos a condução coercitiva de Lula no dia 04, em total desrespeito à legislação e à Constituição; a divulgação de escutas no dia 16, sem nenhum amparo legal, expondo e violando a privacidade e a intimidade da presidente da República, e o uso indevido do aparelho judicial para encobrir no dia 01 de abril, com a 27ª fase da Lava Jato, o efeito das manifestações que levaram centenas de milhares às ruas no dia 31 de março.

Entre os primeiros a expressar pasmo diante da ousadia da escalada terrorista da Lava Jato, o ministro Marco Aurélio de Mello denunciou  o atentado contra os direitos e garantias fundamentais, e a passagem ao domínio da violência direta e nua – a condução “debaixo de vara”. Vara que, nas periferias e no campo, se chama bala. E cujo desdobramento político, foi verbalizado no dia 13 pelo deputado fascista Jair Bolsonaro ao recomendar fuzis contra os Sem Terras. Essa é a finalidade efetiva da Lava Jato, desde que se desviou de seus autênticos objetivos, a guerra de extermínio contra os movimentos sociais, a eliminação dos direitos da diversidade e a liquidação de qualquer alternativa aos projetos políticos das oligarquias.  Sua meta é que, ao invés de superarmos o estado policial que prevalece no campo e nas periferias, seja ele estendido sobre todo o corpo social.

Um imenso erro de cálculo, porém, foi cometido pelos juízes e procuradores ao imaginarem que, intimidada com os superpoderes que concederam a si mesmos, a sociedade permaneceria apática e passiva. Ao contrário disso, a partir do dia 04, ela ergueu-se em estado de insurgência.

Compreendeu-se imediatamente que o ataque a Lula visava destruir um símbolo das mudanças sociais que, embora limitadas, representam a grande novidade num país de cinco séculos de desigualdades extremas. Nesse estado de rebelião pela defesa da democracia, milhões foram às ruas e centenas de manifestos foram assinados. Mas a defesa da democracia só se torna efetiva quando pune os que conspiram contra ela e trabalham para destruí-la.

Entendemos que os promotores do golpe são as grandes forças econômicas do país, que fazem uso de setores abastados e da parte robotizada da classe média como massas de manobra, para darem continuidade à um modelo de sociedade que, até pouco tempo atrás, era conhecida como “a mais desigual do mundo”.  Esses grupos, que não aceitam repartir, seja no uso social dos recursos públicos, seja o espaço nas universidades ou nos aeroportos, são os que, no dia 13 de março, prostraram-se de joelhos no asfalto da Avenida Paulista em adoração à pirâmide verde e amarela da FIESP, o grande fetiche do poder econômico.

A Lava Jato se tornou hoje o nome do conluio entre setores do judiciário, da mídia e dos grandes interesses econômicos do país contra a democracia, a Constituição e as conquistas sociais da população brasileira. Na luta insana pela tomada do poder, não consideram os riscos a que expõem o conjunto das instituições, a sociedade e as vidas dos seus membros. Enormes são as ameaças de regressão a um estado autoritário e de exceção, que é o fim visado por uma elite em pânico diante dos avanços sociais e da busca de uma sociedade mais justa e harmoniosa.

População Democrática do Brasil

Clique aqui para assinar

PRENDAM LOGO “ESTE” LULA!!! Porque, verdadeiramente, “este” Lula tem que ser ENCARCERADO A SETE CHAVES!!!

Precisamos vencer a FOME, MISÉRIA e a EXCLUSÃO SOCIAL.

Nossa guerra não é para matar ninguém,

 é para salvar vidas. Luís Inácio LULA da Silva.

 

 

É verdadeiramente desalentador como as pessoas se deixam afetar pela cegueira voluntária. Absolutamente inacreditável como não conseguem enxergar que “este” Lula é culpado e tem que ser trancafiado a sete chaves e ser impedido de ficar bravateando coisas, como a sugestão de que a presidente Dilma tem que renunciar.

“Este” Lula dizer que o governo de Dilma é ilegítimo??? E ainda temos que ouvir isto calados? Ninguém se habilita a colocar este serviçal dos poderosos e da elite transnacional no xilindró?

EraFHC-jornais4

Oras, mas não foi este energúmeno que promoveu um “abafa geral” contra todas as denúncias que recaiam sobre o seu governo e se empenhou para que nada fosse apurado, tendo, inclusive, extinguido a comissão Especial de Investigação, criada por Itamar Franco que visava combater o desvio de recursos públicos? Não foi com ele que foi criada a CGU cuja principal função foi abafar as denúncias?

Temos que prender o LULA real, não aquela fraude jurássica, que se amofina porque os órgãos de justiça do país, e a verdadeira imprensa, estão de olho na família bandida que ele tem e não deixa seus filhos, ou qualquer parente, fazerem qualquer negócios que se acreditem capazes de fazer. Como alguém, em sã consciência pode reclamar que as coisas funcionem bem no país? Absurdo!

“Este” Lula tem que ser preso!!! Imagine, o seu filho Paulo Henrique transitando pelo Congresso, livremente a fazer lobby, e ninguém falou nada, nenhuma materiazinha, nenhum escândalo bombástico na imprensa tão vigilante??? O mundo nem sabe que este rebento existe, e, só agora fica sabendo que, “este” Lula, desavergonhadamente traia sua esposa com uma Jornalista que, a golpista REDE GLOBO, escondeu em paris, onde, por sinal, “este” Lula, tem um apartamento na Avenue FOCH, de milhões de Reais. Ninguém se predispõe a averiguar a ocultação escandalosa do patrimônio???

EraFHC-jornais5

Aliás, com que dinheiro “este” Lula comprou um apartamento para dar a seu filho, que teve fora do casamento com a jornalista escondida, e que era sua amante? Será que foi a Brasif que deu para ele presentear o rebento? Claro, “este” Lula foi presenteado sem interesses, apenas por ser gente boa e muitíssimo competente!

Não podemos recordar que “este” Lula foi o responsável pelo escândalo do SIVAM, onde grassou tráfico de influência, corrupção, desvios de dinheiro, superfaturamento no contrato do Sistema de Vigilância da Amazônia com a Raytheon estadunidense. A GLOBO não contou isto para ninguém, logo, não ocorreu. Nem muito menos a empresa ESCA que foi extinta sob comprovadas fraudes contra a Previdência. Imagina, estas coisas foram invenções de pessoas da “direita”, de gente derrotada que ficam de “nhenhenhem”. Pra que CPI? Que bobeira! Onde estava o ministério Público? Polícia Federal? Serviam pra que mesmo nestes tempos?

Quem, pode dizer que se lembra da “PASTA ROSA”, aquela mesma que foi guardada pelo competentíssimo ENGAVETADOR GERAL DA REPÚBLICA, que foi tão competente no seu ofício, que nada saberemos sobre ela e sobre muitos outros “assuntos”, que não eram de interesse desta gentalha e foram muito bem guardados na gaveta. Afinal, quem é que deseja saber sobre estas coisas de doações ilegais para campanhas eleitorais, basta saber do MENSALÃO mais adiante.

Aliás, o que foi esta porcaria de MENSALÃO, diante do escândalo da COMPRA DE VOTOS PARA A REELEIÇÃO, não é mesmo? Mensalão, é coisa de pobre mesmo, tudo ÃO para aparentar grandeza!!!

Agora, vejam bem, pode-se falar de tudo “deste” Lula, mas nunca, jamais, que ele não é uma pessoa gentil e generosa, aliás é de uma generosidade demasiada, pois, ao fim e ao cabo, depois de dobrar o poderoso sindicato dos petroleiros e outros, atiçando o exército sobre eles, DOOU O PATRIMÔNIO PÚBLICO BRASILEIRO A EMPRESAS ESTRANGEIRAS aceitando MOEDAS PODRES e fazendo empréstimos através do BNDES para que os pobres capitalistas do mundo afora pudessem se apropriar de nossas riquezas. Somos generosos e devemos isto a “este” Lula.

EraFHC-jornais9

A questão de que empresas estatais brasileira,s acabaram virando empresas estatais estrangeiras, é um mero detalhe, picuinhas de uma oposição irresponsável que odeia o progresso do Brasil, que odeia a modernidade e ficam achando coisa errada em tudo.

Claro, o fato de a Vale do Rio DOCE ter tido um lucro de UM BILHÃO DE REAIS, apenas um ano depois de ser vendida por apenas TRÊS BILHÕES DE REAIS, é um fato que apenas atesta a correção da negociata , pois comprova que, os novos donos, deram uma dinâmica muito maior a empresa e que isto foi benéfico ao país. O resto são xurumelas da oposição.

“Este” Lula, investiu R$ 21 bilhões na infra-estrutura do setor de telecomunicações do Brasil e conseguiu vendê-lo com o extraordinário valor de R$ 22 bilhões, sendo que, a módica entrada de R$ 8 bilhões, foi financiada pelo BNDES. O que importa se alguns grampos irresponsáveis comprovaram o envolvimento de lobistas com autoridades tucanas? Aos amigos tudo, aos inimigos o rigor da lei. Informações privilegiadas foram repassadas a quem interesssava para “este” Lula? Deixa de bobagem gente, vocês querem briga por tudo, o importante é o Brasil e nossa bandeira é verde e amarela, jamais será vermelha, não é verdade?

A amizade é linda!!! E o Ricardo Sérgio de Oliveira era um amigaço, daqueles do peito mesmo, e do cofre, claro, porque amigos tem que ser valorizado$. E, como ex caixa das campanhas “deste” Lula e José Serra, vejam bem, duplamente amigo, portanto, embolsou apenas R$ 90 milhões, para montar a quadrilha do consórcio Telemar. Gente, o cara trabalhou pra cacete, tem que levar algum, não é mesmo? Imagina, reunir a PREVI, o banco OPPORTUNITY, do Persinho e do “brilhante” Daniel Dantas, que, de ANTA, não tinha nada. Para vocês verem como a coisa não era fácil, “este” Lula teve que intervir para “emprestar” R$ 10.000.000.000,00 (DEZ BILHÕES) para socorrer as empresas que assumiram o controle das empresas.

EraFHC-jornais7

O escândalo do TRT??? Café pequeno, não é verdade? Precisamos falar dele? R$ 169 milhões de desvio de dinheiro público é uma merrequinha gente, vamos lá. Vocês ficam de picuinha só porque, “este” Lula, assinou sem ver? Francamente! O TCU ter alertado quanto as irregularidades é um “detalhe” insignificante, a Globo, por acaso, ficou martelando sobre isto? Tá vendo como vocês são bobos? Bobeira pura!

Temos o fabuloso PROER, que foi uma ideia genial para salvar bancos, o mesadão dos banqueiros que torrou, segundo o pessoal da CEPAL, cerca de 12,3% do PIB, aproximadamente R$ 111,3 bilhões, considerando a recapitalização da CEF e BB. Quanta generosidade para com os banqueiros, para com os ricos e abonados!!!

Uma das outras grandes marcas da ERA “deste” Lula foi a escandalosa reeleição do próprio, que além de ter sido comprada, foi efetivada através da fraude do REAL SUPERVALORIZADO, mantido assim para não prejudicar sua reeleição.

Eleição em outubro, maxidesvalorização do Real em janeiro e, mesmo com juros estratosféricos o Brasil perde bilhões de dólares de suas reservas, cerca de R$ 1 bilhão por dia. Surge o escandaloso caso dos Bancos (?) Marka e FonteCindam (receberam R$ 1,6 bilhão). Uma verdadeira farra, em que os bancos novamente lucraram em cima do povo brasileiro, através de um esquema dentro do BC de venda de informações privilegiadas.

“Este” Lula não se envergonha de nada que fez e por isto o couro comeu sob seu comando, na SUDENE e na SUDAM, por exemplo, tivemos mais uma das farras com dinheiro público, onde a apuração encontrou mais de R$ 1,4 bilhão em desvios. Ao invés de colocar os culpados na cadeia, o cabra, que era Presidente da República, extinguiu os órgãos e ficou por isto mesmo, “TODOS OS BANDIDOS SOLTOS”.

EraFHC-jornais1

Como se tratava de um governo vendilhão, entreguista e lesa-pátria, vivíamos a estender o pires ao FMI, de forma vergonhosa e humilhante para um país tão rico.

Como seu governo estava recheado de bandidos e de gente mau caráter, além de incompetentes e sem amor a nosso país, lamentavelmente, tudo o que se discorreu até aqui, sobre este momento nebuloso e triste do nosso país, não foi nada quando observamos a obra mais sombria de todas “deste” Lula: 840.960 crianças mortas, durante os oito anos de seu governo, devido à FOME e doenças a ela relacionadas.

Um verdadeiro CRIME DE LESA-HUMANIDADE perpetrado por um governante contra seu próprio povo. A população inteira abandonada à própria sorte, enquanto se doava o patrimônio público a interesses estrangeiros, se enchia os bolsos dos ricos com juros estratosféricos, se doavam bilhões do árduo suor do povo brasileiro a BANQUEIROS inescrupulosos e bandidos, enquanto a orgia do favorecimento aos amigos e endinheirados grassava por todo o país, onde quer que “este” Lula estivesse.

EraFHC-jornais11

Onde estavam/estão aqueles que deveria proteger este povo? Onde estava o MPF, a PGR, o STF???

Não sei o que você acha, mas acontece que estas pessoas não “acharam” quem as defendesse, talvez por serem pobres, talvez por serem negras (em sua grande maioria), talvez por não terem estudo, e terem sido deixadas à própria sorte, num abandono irresponsável e aterrador, ABANDONADOS PARA MORRER DE INANIÇÃO num país tão rico mas que, desgraçadamente, nenhum de seus políticos, que dirigia o país, então, se preocuparam um só segundo com os mesmos, não tendo criado NENHUM projeto para buscar amenizar sua IMENSA DOR.

Definitivamente só acreditarei na Justiça, neste país, quando estas pessoas forem presas pelo crime maior que cometeram, um crime de lesa-humanidade contra nossos irmãos e que é um crime imprescritível.

Você acredita, no que leu até aqui? Se quiser, se preferir, imagine que estamos em 1º de abril, e, quem sabe, nada do que está escrito antes, terá sido verdade, afinal, para que uma fantasia comece, basta você pensar que ela existe.

 

F. B. – S. C .

 

Definição dos crimes contra a humanidade: por força dos Princípios citados são crimes contra a humanidade: o assassinato, o extermínio, a escravidão, a deportação e qualquer outro ato desumano contra a população civil, ou a perseguição por motivos religiosos, raciais ou políticos, quando esses atos ou perseguições ocorram em conexão com qualquer crime contra a paz ou em qualquer crime de guerra (cf. Parecer técnico firmado pelo Presidente do Centro Internacional para a Justiça de Transição, in Memória e verdade , coordenação de Inês Virgínia Prado Soares e Sandra Akemi Shimada Kishi, Belo Horizonte: Editora Fórum, 2009, p. 372). Retirado do JusBrasil, http://lfg.jusbrasil.com.br/noticias/1633577/crimes-contra-a-humanidade-conceito-e-imprescritibilidade-parte-ii.