Arquivo da tag: fraternidade

“ESTES TODOS QUE AÍ ESTÃO…”

“…ATRAVANCANDO MEU CAMINHO.

ELES PASSARÃO, EU PASSARINHO.” Mário Quintana

 

Se em dois anos não fomos capazes de fazer frente ao GOLPE ANUNCIADO, qual a esperança que temos agora?

A dor maior não é saber que eles foram vitoriosos na forma deles agirem, A DOR MAIOR é sabermos que poderíamos ter evitado, que não precisávamos estar passando por nada disto se tivéssemos tido as ações corretas.

Mas…

Quem foi que disse que eles venceram?

Se a DILMA cair, isto significa que agora, muitos de nós que não estávamos na luta, iremos participar e outros virão com eles…

Se a DILMA cair, isto significa que precisaremos merecer o PAÍS QUE QUEREMOS, nenhuma conquista virá até nós!!! Nada será de graça!!!

DilmaLulaEnforcados1

Devemos, então, buscar todas as forças que temos guardadas dentro de nós.

Eles acreditarão que venceram, muitos tripudiarão de nós, iremos chorar e iremos sofrer, como sofremos com todas as injustiças que vemos sendo arremessadas contra todos os nossos irmãos.

Mas, vejam, O SOL NASCERÁ NOVAMENTE PELA MANHÃ, e com fé e a coragem que acompanha as pessoas que buscam a JUSTIÇA, A VERDADE, A PAZ, tenham a certeza, AMANHÃ, TUDO SERÁ DIFERENTE!!!

Porque o jogo não acaba aos 90 minutos.

Este é o jogo de NOSSAS VIDAS!!!

Da construção de um MUNDO, muito mais que apenas um país, MELHOR!!!

E ele, o jogo, permita-me lhe informar, não acaba quando eles apitam, e, nem mesmo acaba quando termina, pois não sabemos quando é o final.

É por isto que quando sofremos um revés, voltamos mais renovados e mais decididos, pois os pilares que nos sustentam são os mais FORTES que poderiam ser feitos: Amor, Verdade, Justiça, Fraternidade, Igualdade e Liberdade.

Para voar até onde nossos sonhos possam nos levar.

E a vida, para quem pensa e age assim, sempre nos reserva GRANDES SURPRESAS, porque, como pensava John Lehnon, e nos é contado na música “Imagine”, NÓS SONHAMOS JUNTOS, e, não importa como tudo vai acabar, porque o que é verdadeiramente importante é o caminho, e nele, fomos felizes…

…TODOS JUNTOS!!!

mesmo com eles, “todos soltos”.

 

Fábio Brito – Santa Catarina.

SOBRE NOSSAS CABEÇAS!!!

Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta,

formará um público tão vil, como ela mesma.

 Joseph Pulitzer.

Se você não for cuidadoso, os jornais farão você odiar as pessoas

oprimidas e amar as pessoas que oprimem.

Malcolm X.

 

Agradecemos ao VioMundo, por divulgar vídeos gravados por brasileiros, em diversos idiomas, denunciando o GOLPE JURÍDICO MIDIÁTICO PARLAMENTAR,  que está em curso no Brasil neste momento.

Alertamos para todos que, como tem sido denunciado nos mais diversos blogs por todo o Brasil, este GOLPE, tem sido preparado, tem sido gestado, já faz algum tempo e o seu formato, como o vemos agora, num conluio entre a imprensa hegemônica brasileira, parte do Judiciário e alguns parlamentares, começou a ser organizado com a deposição do Presidente legitimo de Honduras, Manuel Zelaya, em 2009, e, em seguida, o promovido no Paraguai contra o presidente eleito, Fernando Lugo, em 2012.

As pessoas que normalmente não se interessam por política, como se isto fosse somente uma coisa suja, e participasse dela somente aquelas pessoas comprometidas com o pior que a humanidade pode possuir e apresentar, precisam entender que, não participar da política, que, por fim, é o que define como nosso mundo funciona, tanto localmente quanto em nosso Estado, País ou Planeta, é o que permite que gangsteres permaneçam a comandar nações inteiras.

Quando não buscamos nos inteirar, cotidianamente, acerca dos assuntos do mundo político, ficamos à mercê das opiniões distorcidas de uma mídia que busca nos manipular. Precisamos abrir os olhos, precisamos acordar, definitivamente!

E nós, que nos definimos de esquerda, temos muita responsabilidade nisto. Não podemos abdicar de nossa responsabilidade em esclarecer as pessoas, e, dessa forma, precisamos ter bem claro que, classificar pessoas como coxinhas, burros, acéfalos e demais adjetivos, não nos torna diferentes daquilo que a direita faz.

Precisamos ser um pouco melhores que isto, e o debate franco, direto e objetivo, mostrando argumentos sólidos, será, sempre a melhor saída. Não podemos afastar as pessoas menos esclarecidas da verdade, caso contrário, estaremos demonstrando que, também, não temos ideia do real poder que o SISTEMA OPRESSIVO E EXCLUDENTE, que impera em nosso mundo, detém, ou seja, não seremos mais que COXINHAS PINTADAS DE VERMELHO.

Quando jovem, tive acesso a um texto de Bertold Brecht, que me fez despertar para as minhas atitudes como ser humano e me fez ver as consequências que cada ação minha poderia ter para com cada habitante deste planeta, a que chamamos de TERRA. Eram, então, os anos 80, e possuía cerca de dezesseis anos quando li o texto, O ANALFABETO POLÍTICO. Foi como se recebesse um soco no estômago, e acordei para vida, passando a me interessar mais para os assuntos políticos e, também, passei a policiar mais minhas atitudes, passando a ver que a política estava presente em cada pequeno gesto nosso.

Quando escutava que todo os políticos eram ladrões, observava que isto era mentira, pois bem perto de mim, conheci exemplos fabulosos que desmentiam, categoricamente, esta informação.

Posso dizer, e aqui presto uma singela homenagem a duas pessoas de minha família, que me ajudaram a ser, efetivamente, quem sou, e agradeço muito a Deus por ter colocado em meu caminho o meu pai, GERCY ALVES DE BRITO e meu avô, OLAVO GIL DA SILVA JÚNIOR, cujos nomes escrevo em caixa alta, para dizer do orgulho que sinto, em ter tido estes dois EXEMPLOS MAIÚSCULOS e expoentes grandiosos do que de melhor podemos encontrar na política e na Humanidade.

As duas pessoas de que falo acima, saíram da política com patrimônio menor do que entraram e jamais se envolveram em esquemas de desvios de dinheiro público. Guardarei-os, para sempre, em meu coração e em minha memória.

Numa época em que era quase inexistente os instrumentos de fiscalização, isto era muita coisa, e, o fato, é que não importa quantos instrumentos se crie para fiscalizar bandidos, eles sempre irão criar alguma maneira de burlar o sistema, porque, afinal de contas, quem tem caráter irá buscar agir corretamente em qualquer lugar onde esteja, mesmo que tenha certeza de que não tenha ninguém a observá-lo. No entanto, para quem não tem caráter, nem pena de morte segura.

Parte destas histórias de minha família e da minha terra, podem ser encontradas no livro da Sra. Terezinha de Azevedo Alves, que leva o título Potiraguá em Suas Mãos. Partilho, com alegria, com você que me lê, uma entrevista concedida por ela a Sra, Edna Peixoto, orientadora do PNAIC (Pacto Nacional Pela Alfabetização na Idade Certa) da referida cidade.

Carrego comigo, portanto, o melhor DNA de pessoas humanas e que entendiam a política como a possibilidade de intervir em nossa sociedade, para proteger as pessoas menos favorecidas e menos afortunadas pela vida. Pessoas que não entendiam a vida como, apenas, um exercício diário em busca do acúmulo de riquezas, visando uma opulência sem sentido, mas, principalmente, a possibilidade de buscarmos ideais como a fraternidade entre nossos irmãos.

Voltando ao assunto em questão, que é da maior gravidade e urgência, as pessoas que não se interessam pela política, jamais irão entender o que é a força da opressão que se abate em nosso país e que, nem mesmo, as decisões que foram tomadas e que estão a interferir nos nossos destinos, foram gestadas pela nata do centro mundial, bem longe de nossas fronteiras, mais precisamente nos ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA.

Como a maioria da população está acostumada a usar uma viseira, à semelhança da que usa-se, ainda hoje, no gado ou em cavalos, não conseguem perceber que caminham por este mundo completamente “bitolados”, onde lhes é permitido apenas, quando muito, trabalhar arduamente, para enriquecer alguns poucos. Os tais 1% da humanidade.

Prova do que estou dizendo, e que passou despercebido a milhares de pessoas que saíram às ruas em protesto contra Dilma na intenção de depô-la, são as ondas que atingem o mundo todo, de tempos em tempos, e que visam moldá-lo ao gosto e ao figurino do que esperam aqueles 1%.

Há, não muitos anos atrás, diversos países do globo, passaram a adotar, como nos EUA, o sistema de reeleição, inclusive o nosso país.

Assim ocorreu com a Argentina e a Colômbia, por exemplo, que tinham no poder agentes do capital internacional naquele momento. Carlos Menem na Argentina e Álvaro Uribe, na Colômbia.

A direita mundial, no entanto, percebeu que os povos se levantam e buscam mudanças que alterem sua condição de vida, mesmo com forte controle de empresas de mídia, mesmo com assassinatos e subornos a agentes públicos da Justiça, polícia e demais. É difícil conter o curso de um rio.

Washington, hoje, muda de ideia, e manda parlamentares de todo o mundo a retirarem o instituto da reeleição. A Colômbia já o fez em 06/15 e o Brasil se prepara para obedecer as ordens dos bandidos internacionais, pois vários parlamentares já falam abertamente sobre este assunto.

Tem sentido! Está ficando caro, para os EUA, financiar golpes e desestabilizações pelo mundo afora, além de todo o investimento que se faz para montar uma farsa de democracias nestes países. Mais garantido é dificultar o acesso ao povo ao centro das decisões, mantendo uma “aura” de democracia, como, aliás, é o próprio sistema eleitoral dos EUA, com forte influência do poder econômico das corporações e onde, absurdamente, um presidente pode ser eleito, mesmo tendo menos votos que o que foi derrotado.

Em breve, o assunto em moda, além do fim da reeleição, será a reforma no sistema eleitoral brasileiro. Palavras como, voto distrital, voto distrital misto, votação fechada, verticalização, cláusula de barreira, parlamentarismo, entre outros, estarão em discussão.

A direita espera chegar o escript para saber como agir, a ordem por enquanto, é derrubar, da forma mais “democrática” possível, a presidenta Dilma. Sem dar muito na pinta, o velho e surrado golpe nas repúblicas bananeiras.

Leis anti terrorismo tem sido aprovadas, nos mais diversos países, sob inspiração fascista, e ditada por Washington, aos títeres do terceiro mundo. O que acontece com estas leis é que, os EUA, estão a preparar o terreno para governos submissos à sua política, em países de terceiro mundo, com instrumentos que os permita serem mais longevos e estáveis. Não é por outra razão que se preparam legislações sob medida para afastar o povo do centro de decisão, através de reformas eleitorais, inclusive.

Quando um líder da direita assumir um determinado governo, tenha certeza, estas leis serão aplicadas severamente contra o povo, que será, então, tratado como terrorista, por buscar intervir, legitimamente, nos governos do seu país.

O dinheiro busca manter a sua hegemonia sobre a razão. A ALCA, abortada no Brasil e em toda a América Latina, devido à ascensão ao governo brasileiro de LULA, era a impostura seguinte, acalentada pelos donos do mundo. Eles ainda não desistiram e promovem, por todo o globo, diversos tratados de livre comércio, que se colocam, para a soberania dos povos, como algo extremamente danoso. TTIP, TTP, TiSA, estão sobre nossas cabeças neste instante e poucos são, os que se dão conta do que podem representar para cada um de nós.

Pena de morte e redução da maioridade penal, estão na fila para serem implementadas na América Latina e demais países periféricos.

Não queridos, estas ideias não são dos brilhantes parlamentares brasileiros como Bolsonaro, Aécio e demais, eles, apenas cumprem ordens, capachos e lacaios vis que são, do PODER DA METRÓPOLE, eles não passam de CAPITÃES DO MATO, cumprindo ordens para subjugar seu próprio povo, para manter um pequeno status e conseguir roubar uma pequena quantia da farta riqueza que temos.

Manter nosso povo sob jugo da moderna chibata, é a tarefa destes senhores e dos demais de nossa direita apátrida.

As aves de rapina, estão assanhadas sobre nossas cabeças, resta saber que destino daremos a elas. Se estivermos, de verdade, buscando ser um povo autônomo e capaz de buscar o seu próprio destino de forma independente, como, talvez, nunca tenhamos sido por completo, a encruzilhada da história se aproxima perigosamente diante de nossos olhos.

É chegada a hora de separarmos as crianças dos homens, o joio do trigo.

Neste momento grave de nosso país, podemos escolher defender a nossa DEMOCRACIA, nos posicionando de forma clara e indubitável, em defesa do Governo Federal que tem à frente a nossa Presidenta Dilma Vana Roussef, ou, ao contrário, ficarmos de tergiversações mil e argumentações intelectualizadas e vazias, algumas até válidas, sobre as diversas traições do PT ao povo brasileiro que, não sejamos cegos, houveram várias, diga-se de passagem, mas que, nos trarão um único resultado, um retrocesso sem precedentes.

Num futuro, possível, dos desdobramentos da crise política em curso, está uma possível inviabilização do país, através da divisão territorial do mesmo. Através de um fatiamento do nosso território o que  se busca, nada mais, é nosso enfraquecimento no mundo, para tornar inviável um possível enfrentamento do PODER DE WASHINGTON, sozinho ou em composição com os demais países do BRICS, por exemplo.

Não nos enganemos, o BRASIL é um país grande e de treze anos para cá, se inseriu no mundo como o fiel da balança, que pode afiançar um destino melhor para o mundo ao se contrapor à liderança TERRORISTA que os EUA impõem a todos os povos.

Que Deus nos dê força e sabedoria para não nos amedrontarmos e agir com a sabedoria que a situação exige de cada um de nós, buscando a melhor saída para o nosso querido e amado Brasil, mas, não nos esqueçamos dos demais povos que passam pelo mesmo problema que estamos passando neste momento, porque, muito mais que lutar e defender nossos ideais, somos um povo pacífico que, muito além de pensar em si mesmo, é capaz, mesmo nesta hora, de demonstrar solidariedade aos demais que necessitam.

Nossa solidariedade a Cuba, Venezuela, Haiti, Honduras, Paraguai e PALESTINA. Não nos esqueçamos deles ao denunciar ao mundo o que está se passando no Brasil. Bandeiras e cartazes com mensagens a estes povos são bem vindas, porque, sabemos, o mundo não gira ao redor de nossos umbigos.

De pessoas de coragem é do que precisamos agora!!!

F. B. – S. C.

FHC, O GENOCIDA!!!

“Não é a pornografia que é obscena,

é a FOME que é OBSCENA”. José Saramago.

FHCGenocida

Dito isto retornemos ao assunto central de que trata este texto.

Estupefatos, não podemos crer, simplesmente, que isto possa ser verdade, simplesmente não pode ser!!!

Como eles dizem, isto só pode ser coisa de PETISTA de alguém muito doente, para inventar uma mentira desta dimensão e precisa SER PRESO POR DISSEMINAR COISAS ASSIM.

Bem, tenho que concordar com você, caso isto seja mentira, devo ser preso mesmo, mas, e se não o for, será que o contrário também pode ser verdade?

Se eu devo ser preso por falar INVERDADES, como a mídia criminosa de meu país gosta de edulcorar, quando alguém do seu time fala uma MENTIRA DESLAVADA, será que, em sendo verdade o que exponho aqui, a pessoa que promoveu este verdadeiro GENOCÍDIO NO BRASIL, não deveria ser presa???

Fome da Globo

Então amigos, devemos, a partir de agora, pedir à maravilhosa Polícia Federal do Brasil, para preparar um xilindró, à altura do ex presidente FHC.

Não uma cela qualquer, mas uma adequada ao Príncipe dos Ociólogos. Adornada a altura da pessoa pusilânime da qual falamos.

Quero deixar claro, não é bonito tratar deste assunto e não me sinto bem ao fazê-lo, antes disto, espero estar equivocado com o que exponho aqui. Apesar de não nutrir qualquer simpatia pelo Príncipe dos Ociólogos Pusilânimes, espero que esteja errado em absolutamente tudo que lhes revelo agora, pois, ficaria imensamente feliz em rastejar aos pés deste senhor, uma vez comprovado meu engano e saber que estas crianças estão vivas.

Estarei, a partir do momento da postagem deste texto, no infinito mudar dos segundos, que a eternidade não permite que passem quando estamos a sentir algum tipo de dor, à espera de que, qualquer cidadão, me encaminhe um comentário, deslindando, com provas, e me revelando que tudo não passou de engano, um pesadelo, que quis se transformar em realidade, como nos filmes “B” de Fred Kruger.

Não posso deixar de me recordar da uma frase na qual esbarrei uma vez e que vive ricocheteando em meu cérebro, “a verdade vos libertará”.

Para mim, em não se provando a incorreção de tudo aquilo que escrevo agora, esta frase é letra morta, é falsidade pura.

Para mim ela funciona de forma absolutamente oposta ao que a mesma pretende: ela me aprisiona.

Para explicar melhor, digo que, ao saber de uma verdade e que esta verdade se refere a irmãos meus, que estão sofrendo, NUNCA, JAMAIS, sabê-lo, poderia me libertar, pois que estaria preso, inarredavelmente, a ideia de aplacar a dor dos meus irmãos.

É como se sentisse Deus sussurrar aos meus ouvidos, “filho, cuide de seus irmãos”. E, sim, estou preso ao que me pediste, Senhor.

“Podem me prender, podem me bater, podem até deixar-me sem comer, que eu não mudo de opinião.”

Podem me machucar, me torturar, podem até moer meus ossos, que, jamais, conseguirão dobrar a minha alma e, quando tiver deixado este mundo sem sentido, e estiver de joelhos, diante de Deus, poderei falar a Ele:

– Pai, eu fiz o que Você me pediu. Eu cuidei dos meus irmãos.

GenocídioFHCNumerosFrios

Vejamos o que dizem os números, os frios números: se a cada cinco minutos morria uma criança de FOME, no Brasil, isto significa que em uma hora morriam DOZE crianças. Se o dia tem 24 horas, então, em um dia, morriam cerca de 288 crianças. Como um ano tem 365 dias, logo, morriam cerca de 105.120 crianças em um ano. Como FHC DESgovernou o Brasil por OITO ANOS, depois que comprou deputados para aprovarem sua reeleição, mudando a Constituição para se autobeneficiar, isto quer dizer que, no período que ele foi presidente, morreram 840.960 crianças de fome e causas relacionadas a ela.

MEU DEUS, MEU PAI, isto não pode ser verdade, simplesmente não pode!!! Eu tenho que ter cometido um engano, com certeza! Algum engano eu cometi!

Como uma coisa assim ocorre e ninguém vê? Mesmo depois da reportagem da Globo, que foi super premiada em todos os lugares da galáxia?

Pela primeira vez na vida eu QUERO ACREDITAR NA GLOBO. Quero acreditar que aquela reportagem tenha dito a verdade, com relação à quantidade de crianças que morriam no Brasil, que os números não tenham sido manipulados, como eles sempre fazem quando querem proteger os bandidos da quadrilha a que pertencem.

Aquele Sr. do IPEA, que a globo fez o favor de omitir o nome, tenho que acreditar que ele estava certo e a “situação da pobreza estava melhorando” e “a mortalidade infantil, no país, estava se reduzindo, estava se reduzindo, estava se reduzindo, num ritmo bastante satisfatório”.

Espero mesmo que A FOME NO BRASIL NA ERA FHC, que deveria ter sido o título da matéria, se a Globo tivesse um pingo de honestidade jornalística, tenha se reduzido ao ponto de desaparecer depois de algum tempo da reportagem, não pela desonestidade recorrente da REDE GLOBO, que, quando quer, esconde os malfeitos dos seus apaniguados, mas porque houve algum milagre, destes que as pessoas de bem como o Betinho e Zilda Arns, são capazes de fazer, mesmo sem auxílio algum do Governo, que deveria lhes dar apoio e proteger sues cidadãos .

Quando sairmos às ruas, de forma pacífica, para defendermos nosso povo, nosso país e nossa DEMOCRACIA, mostremos ao mundo, que, ao contrário daqueles que estão a buscar o golpe e tentam nos “roubar” até nossa bandeira, somos melhores que isto e sairemos com as bandeiras da República Dominicana, das irmãs Mirabal, de Cuba, da Venezuela, de Honduras, do Paraguai, e, principalmente, da PALESTINA, para mostrarmos que, muito mais que lutar pelo que é nosso, podemos oferecer, também, mesmo neste momento tão difícil para nós, a SOLIDARIEDADE a todos os povos que passaram ou passam por situação parecida.

A nossa bandeira, não é apenas a bandeira brasileira, é a bandeira da solidariedade, da Justiça, da Fraternidade dos povos, da busca pela união de todos contra a OPRESSÃO E A TIRANIA, na tentativa de que não apenas 1% da população possa usufruir daquilo que nosso Pai nos deixou, mas todas a humanidade.

Nestes dias que correm, não nos lancemos contra nossos irmãos. Devemos observar que a alma deles está doente, contaminada pelo ódio, colocado no coração de cada um deles por aqueles que não hesitariam em pisar sobre seus corpos caídos ou, não duvidem, nos pescoços de suas próprias mães.

Por fim, quero dizer a vocês que chegaram aqui, que:

“Estes todos, que aí estão, atravancando nosso caminho, eles passarão e nós passarinhos.”(Poeminha do Contra, Mário Quintana)

 

NÃO HAVERÁ GOLPE! NÃO PERMITIREMOS!

 

F. B. – S. C.